Resenha - Sonhei que amava você

Resenha - Sonhei que amava você
Sinopse: "Ele estava vivo nos meus sonhos. E que sonhos! Mas era pouco. Eu queria ele na minha vida. Uma história cativante e inesquecível, cheia de mistérios e perguntas a serem respondidas. Pode um grande amor existir somente enquanto sonhamos? Kira, aos 22 anos, está apaixonada, vivendo um momento único de amadurecimento pessoal e profissional. Quem é o sedutor garoto que transforma suas noites em poesia e êxtase? Mas, apesar do maravilhoso momento que está vivendo, a garota terá que enfrentar obstáculos e barreiras. Mas sabe que a vida reserva o melhor para o final. Um convite para dar asas à imaginação e aquecer o coração."
Com apenas 22 anos, Kira é a rebelde da família. Por anos foi atormentada por seus pais e seus dois irmãos gêmeos, Carlos Eduardo (Cadu) e Carlos Rafael (Cafa), sobre sua escolha profissional. Ela poderia trabalhar no que quisesse, desde que fosse na área médica, no Direito, ou no Enxurrada Delícia, o restaurante da família.

Após uma conversa séria com sua melhor amiga Lelê, Leandra, ambas viram que poderiam tornar real seus sonhos de terem uma loja de móveis antigos e decoração que também vendesse roupas, e assim nasceu o Canto da Casa, para contrariedade da família de Kira. Ainda assim, seus amáveis parentes, embora relutantes, apoiaram seu sonho, e Kira fez de tudo para mostrar que seria uma grande empreendedora.

Porém, sua vida era mais complicada do que isso, já que ela também precisava lidar com a fama de seus irmãos, conhecidos como “os gatos do Recreio”, região onde moravam no Rio de Janeiro, sendo importunada pelas suas novas melhores amigas que apareciam aos montes, apenas interessadas em Cadu e Cafa.

Com o tempo, algo mais passou a perturbar os pensamentos de Kira. Um sonho. Um encontro constante com um rapaz sempre que dormia. Ela não fazia ideia de quem ele era, contudo, sentia uma forte ligação com o desconhecido. Kira não tinha ideia de se ele era real ou imaginação sua, entretanto, uma coisa era certa: ela estava apaixonada pelo cara misterioso, e não sabia o que fazer em relação a isso.

Querem saber o que acontece? Então corram para ler o livro!

*** 

Adquiri meu exemplar de Sonhei que amava você, primeira obra publicada pela Editora Valentina, no lançamento do livro que a Tammy Luciano fez aqui em minha cidade em 2014, inclusive, tem cobertura do evento aqui no blog. Eu nunca havia lido nada da autora antes e, como tinha vontade de conhecer seu trabalho desde que a conheci na Bienal de SP de 2014, comprei a obra.

Confesso que fiquei bastante receoso quanto à leitura, sei que a Tammy é uma grande escritora e sempre só recebi referências boas de seus textos, apesar disso, não sou muito fã de romances onde o foco do argumento é o romance em si, e por isso tive medo de que acabasse não aproveitando a história ao máximo e fizesse um mau julgamento.

Grata foi a minha surpresa quando a trama superou as minhas expectativas. A escrita da Tammy é fantástica, ela tem uma pegada de chick-lit que traz uma leveza para a narrativa e humaniza os personagens, agregando defeitos a eles e eu adoro quando são assim, pois os torna mais reais.

Quanto aos personagens, são bem caracterizados. A Lelê, o Cadu e o Cafa roubam a cena quando aparecem e são os maiores responsáveis por adicionarem esse ar cômico ao enredo. E uma coisa é certa, se a Tammy quiser que vocês não gostem de um personagem, tenham certeza que vocês não conseguirão simpatizar com ele.

Explico: Há uma personagem específica no texto que eu queria gostar dela. Por mais que ela tivesse aprontado, torcia por sua redenção e tentava minimizar suas falhas, no entanto, a cada página, a Tammy me surpreendia com uma nova tramoia, e aí cheguei a essa conclusão. Acredito que ela trabalhou bem nisso de nos fazer odiar os personagens que deveriam ser odiados. E gosto quando o autor tem total domínio sobre suas criações e não mede esforços em contar a história da forma que deve ser contada.

Se vocês procuram por um romance romântico com pitadas de humor e que os fará refletir sobre várias questões, todavia, sem deixá-los em crise, podem adicionar Sonhei que amava você nas suas estantes sem medo.

Sonhei que amava você - Tammy Luciano
Editora Valentina
296 páginas
Comprar: Amazon / Saraiva

7 comentários

  1. Oi Laplace!

    Eu tbm nunca li nada da autora, tinha um livro dela aqui, mas acabei trocando-o sem ao menos lê-lo. Não sei porque, se sempre tbm, só li coisas boas sobre suas obras.
    Este livro me chamou a atenção primeiramente pela capa. A editora tbm capricha em seus livros, por isso o coloquei na minha lista de desejados.

    Gostei da sua resenha, espero tbm gostar no livro!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana Paula!
      Obrigado! Espero que você goste da leitura também quando realizá-la. :)

      Excluir
  2. Já queria e continuo querendo.

    ResponderExcluir
  3. Parece muito bom!
    Kira tem os conflitos familiares de todo jovem/adulto que quer escolher um rumo na vida..gosto muito desse tipo de literatura e com romance junto,é tudo de bom.
    Nunca li nenhum livro da Tammy Luciano,já estava curiosa para conhecer seu trabalho,agora mais...valeu pela dica.
    Bj.

    ResponderExcluir
  4. Pode não ser um livro marcante ou algo assim, mas com certeza parece envolver o leitor com uma história interessante e bem construída. A capa está muito bonita!
    Abraços!
    bookdan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. ainda não li nenhum livro da tammy, mas vou ser sincera apesar dos elogios, não é o tipo de livro que estaria nas prioridades, pode até ser q eu leia, sabe aqueles livros mais leves q vc ler p tirar ressaca literária?
    não curto muito nem romances água com açucar nem chick-lit...mas, enfim valeu pela dica

    ResponderExcluir