Dica de leitura - Menina má

Menina má, de William March
Sinopse: "Rhoda, a pequena malvada do título, é uma linda garotinha de 8 anos de idade. Mas quem vê a carinha de anjo, não suspeita do que ela é capaz. Seria ela a responsável pela morte de um coleguinha da escola? A indiferença da menina faz com que sua mãe, Christine, comece a investigar sobre crimes e psicopatas. Aos poucos, Christine consegue desvendar segredos terríveis sobre sua filha, e sobre o seu próprio passado também."
Adicione ao Skoob AQUI.

Lançamento de maio, em breve nas livrarias.

E aí pessoal, hoje trago uma super dica de leitura assustadora. Conheçam Menina má, de William March, relançado no Brasil pela Editora DarkSide.

Publicado originalmente em 1954, Menina má se transformou quase imediatamente em um estrondoso sucesso. Polêmico, violento, assustador eram alguns adjetivos comuns para descrever o último e mais conhecido romance de William March. Os críticos britânicos consideraram o livro apavorantemente bom. Ernest Hemingway se declarou um fã. Em menos de um ano, Menina má ganharia uma montagem nos palcos da Broadway e, em 1956, uma adaptação ao cinema indicada a quatro prêmios Oscar, incluindo o de melhor atriz para a menina Patty McComarck, que interpretou Rhoda Penmark

Menina má, de William March
Patty McComarck
Menina má é um romance que influenciou não só a literatura como o cinema e a cultura pop. A crueldade escondida na inocência da pequena Rhoda Penmark serviria de inspiração para personagens clássicos do terror, como Damien, Chucky, Annabelle, Samara, de O Chamado, e o serial killer Dexter.

Menina má, de William March

Para os amantes de um bom suspense psicológico, os leitores mergulharão nos questionamentos suscitados na obra a respeito da maldade. Será que todos nascemos inocentes e somos corrompidos pela sociedade? Ou será que alguns já nascem com desvios de personalidade, problemas mentais e inclinação para fazer maldades, um prato cheio para se tornar o pior dos psicopatas?

Apesar de gostar desde pequena de filmes de terror, faz pouco tempo que eu comecei a me aventurar no gênero na literatura, e confesso que adorei a experiência. Menina má me chamou atenção não só pela sua história precursora, mas principalmente por este trabalho belíssimo de design da Editora DarkSide. Não tem um só livro que eles lançam que eu não babo. Só pela capa é possível ver o capricho da Editora e o cuidado que eles têm ao escolher os títulos a dedo para a gente.

Menina má, de William March

Sobre o autor:

William March nasceu em uma família pobre no Alabama, em 1893. Alistou-se na Marinha e combateu na Primeira Guerra Mundial, tendo recebido condecorações dos governos norteamericano e francês. Largou a farda logo após o conflito, e os horrores do confronto lhe inspiraram a escrever seu primeiro romance, Company K. Publicou seis romances e quatro compilações de contos. Morreu em 1954, um mês após o lançamento do seu livro mais celebrado, Menina Má.

6 comentários

  1. Embora não seja meu tipo de leitura preferido,eu leria só pela capa,é linda.
    Editora DarkSide está arrasando nas capas!!!E nos lançamentos também.
    Bj .

    ResponderExcluir
  2. Oi Mi
    Eu adoro os livros dessa editora, mas só de olhar para essa capa me dá medo.

    Beijos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Mirelle!

    Não vou negar, essa capa me eixa morrendo de medo! kkkkkk Claro que vou querer esse livro lindo na minha estante! ;)

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  4. a darkside caprichando mais uma vez!
    o bom que eu li o resumo só lembrei do filme do macaulay culkin.
    e pelo jeito eu não fui a única

    ResponderExcluir
  5. pessoalmente, eu nunca li livro com esse tema, mais a capa já chamou minha atenção!

    ResponderExcluir
  6. Vou começar a ler hoje. Sou aluna de Psicopedagogia e sou apaixonada pelo tema "psicopatia infantil", adoro pesquisar sobre e hoje encontrei seu blog. Obrigada por essa maravilhosa dica. Beijos.

    ResponderExcluir