Semana Star Wars - O Universo Expandido - Dia 4

Star Wars - O Universo Expandido
Hoje nós vamos sair um pouco da zona dos filmes e mergulharemos no Universo Expandido de Star Wars. Não sabem o que é isso? Então venham com a gente que vocês descobrirão que o Star Wars é muito mais do que imaginavam.

Para quem não sabe, o universo de Star Wars vai muito além dos 7 filmes lançados até então. Existem livros, quadrinhos, jogos, desenhos (séries animadas) e outras obras cinematográficas. Estrelas Perdidas, o livro que já foi resenhado aqui no blog, é um exemplo disso. E na postagem de ontem citei dois longas clássicos que também agregam material à saga. E mais, a maior parte desse material não só não foi produzido pelo George Lucas, como o criador desse universo não o reconhece como fontes oficiais da saga.

Mas então como esse Universo Expandido funciona?

Quando Star Wars estreou em 1977 ninguém esperava que o filme fosse fazer um sucesso. Produções de ficção científica na época não eram tão valorizadas e a criação de George Lucas surpreendeu. Quando O Retorno do Jedi foi exibido em 1983 o mundo continuou ávido por mais histórias, eles não queriam que acabasse. E, nesse período, já tínhamos material além das películas. Assim nascia o Universo Expandido, que compreende todo o material original de Star Wars que não sejam os filmes.

Porém, George Lucas deixou claro de que não daria continuidade a essa história, mas que ao menos iria relatar como a República havia morrido, como o Império havia nascido, e, principalmente, como Anakin Skywalker teria se tornado Darth Vader. E foi assim que Uma Nova Esperança, O Império Contra-Ataca e O Retorno do Jedi, que antes eram os episódios I, II e III, se tornaram os episódios IV, V e VI.

A nova trilogia só veio 13 anos depois da primeira, com o lançamento do novo Episódio I - A Ameaça Fantasma, em 1999. E a essa altura já havia saído outros materiais da saga - como os filmes dos Ewoks que citei ontem - alguns assinados pelo George Lucas e outros não. Entretanto, mesmo assim, eles eram aceitos pelos fãs como parte desse universo.

A trilogia da virada do século (os Episódios I, II e III: A Ameaça Fantasma, O Ataque dos Clones e A Vingança dos Sith) não foi muito bem aceita pela maior parte do público. As produções receberam críticas diversificadas, dentre elas: perda da essência da saga, história fraca e erro de continuidade em relação a como essa nova trilogia deveria se linkar com a trilogia clássica, etc. E com isso George Lucas decretou que jamais produziria outro filme de Star Wars. Qualquer esperança de haver uma continuação para a história de Luke, Léia e Han Solo estava acabada, todavia, o Universo Expandido continuava se ampliando, contando mais sobre esses personagens e narrando fatos entre as produções dos filmes I a III também, como foi o caso dos desenhos Guerras Clônicas e Star Wars Rebels.

Só para dar uma ideia a vocês do que há no Universo Expandido e do que a Disney poderia ter aproveitado para a trama do Episódio VII - O Despertar da Força, deem uma olhada nessa linha do tempo da História Galáctica que há no site Wookiepedia, um dos muitos sites que existem voltados a Star Wars.

Lembram-se que no post de ontem falei que os filmes representavam 5% de toda a história de Star Wars e que eu ainda estava sendo modesto? Por isso que foi um tremendo choque quando a Disney anunciou que não aproveitaria nada do Universo Expandido para a produção de O Despertar da Força.

Contudo, como o próprio George Lucas não reconhecia a maior parte desse material, era meio que esperado. Lembro-me que quando o Episódio VII foi noticiado muito se especulou sobre adaptarem a trilogia Thrawn, uma história de sucesso do Universo Expandido que foi publicada pela Editora Aleph. Eu, particularmente, gostaria que tivessem contado a guerra com os Yuuzhan Vongs, que era uma raça resistente à Força. Mas a Disney desprezou tudo, e com isso não só essas narrativas foram deixadas de lado, assim como Han Solo e Léia Organa não casaram e não tiveram 3 filhos, e nem Luke Skywalker se casou com Mara Jade, muito menos teve o Ben Skywalker. Pois é, isso aconteceu no Universo Expandido.

No entanto, a Disney e a Lucasfilm reconheceram que o Universo Expandido era muito antigo e adorado pelos fãs para simplesmente ser largado no esquecimento e, por isso, o dividiram em 2 grupos: Legends e Canon. Se vocês repararem no link da Wookiepedia acima, verão que no final dele está escrito LEGENDS. O Legends compreende todas as histórias de Star Wars não oficiais, e o Canon todas as oficiais.

O material que leva o selo LEGENDS passou a ser considerado, literalmente, uma lenda. São histórias que não compõem a linha do tempo oficial de Star Wars, mas que podem ou não ter ocorrido. Já o material que leva o selo de CANON engloba o que de fato ocorreu no universo de Star Wars.

O Canon compreende os 7 filmes, as séries animadas Guerras Clônicas - a em 3D apenas, não a primeira que nos apresentou Asajj Ventress e o general Grievous - e Star Wars Rebels, e as publicações que saíram pelo projeto Uma Jornada para Star Wars: O Despertar da Força, que incluem livros como Estrelas Perdidas,Tarkin, Marcas da Guerra e Um Novo Amanhecer.

TODO o restante do material que já existia compõe o selo Legends. Até mesmo a primeira série animada das Guerras Clônicas e os clássicos filmes dos Ewoks. Inclusive, os livros que compõem esse selo estão vindo com o nome LEGENDS na capa - como é o caso da trilogia Thrawn -, para ajudar os fãs a diferenciarem os materiais oficiais dos não-oficiais.

Vocês podem ver como ficou a nova linha do tempo de Star Wars e compreenderem melhor o Canon lendo esse artigo retirado do site Sociedade Jedi AQUI.

10 comentários

  1. Laplace,sim a criação em 1977 de George Lucas,realmente surpreendeu .Amei o Retorno de Jedi em 1983.Apesar das críticas gostei bastante do lançamento de 1999 da nova trilogia.Realmente foi muito chocante e triste de certa forma a Disney não aproveitar nada do Universo Expandido.Gosto muito do que é relatado nesse universo sobre os personagens Luke,Han Solo e Léia.Gosto também de algumas coisas no dito universo oficial.Amei o post e até a próxima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aciclea! Muito obrigado!
      Confesso que não gostei de muita coisa da trilogia que começou em 1999, mas teve muita coisa boa que amei, como a trilha sonora e a Batalha de Geonosis, onde pudemos ver todas as 7 formas de combate jedi em ação.
      Também gosto bastante do Universo Expandido Legends. Inclusive, na época do Orkut, eu integrava algumas comunidades sobre Star Wars e debatíamos demais sobre o conteúdo do UE.

      Excluir
  2. Oi Laplace!

    Eu não imaginava que existiam tantas verdetes de SW. Assisti a muitas animações e uns dois longas se não me engano, e claro que anotei tudo aqui para procurar e assistir, pois adoro esse universo!

    Vou começar a me aventurar pelos livros em breve, mas ainda assim, adoro a trilogia inicial!

    Parabéns pela postagem completíssima!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana! Muito obrigado.
      Pois é, existe muita coisa além dos filmes. Espero que goste dos livros.

      Excluir
  3. Gostei da postagem,
    Porem eu odeio star wars, então para mim, não é nada especial, nada contra, mas realmente não faz meu gênero de livro, nem de filme.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Laplace!
    Ainda bem que existe sempre essa preocupação em explicar sobre o entendimento da Disney sobre o universo Star Wars. Eu tenho mais livros do selo Legends do que do Canon, mas porque comprava pela história e não prestava atenção nisso. E eu prefiro acreditar que foi algo que poderia sim ter acontecido rsrsrsrs Mas até agora só li Kenobi e estou lendo a trilogia clássica que a Darkside lançou.
    Muito bom seu post!
    Bjs =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ileana!
      Também prefiro acreditar que as histórias do Legends aconteceram de fato, mesmo que em um universo paralelo. Tem muita coisa boa lá para considerarmos apenas como lendas.

      Excluir
  5. Até sair o sétimo filme, eu pensava que era apenas aqueles seis filmes que compunham a saga. Dai veio a curiosidade e parti para a pesquisa e encontrei um mundo tão vasto de material que fiquei querendo muito ter para ler. Você deu uma boa explicada e gostei bastante do que li, mas o mundo da saga ainda vai mais além disso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Maristela!
      É verdade, o universo expandido é muito³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³³ vasto.

      Excluir