Resenha - Em busca de Cinderela

Resenha - Em busca de Cinderela
Sinopse: "Daniel está no breu do armário de vassouras da escola – o perfeito esconderijo para quem quer fugir do mundo real –, quando uma garota literalmente cai em cima dele. Às cegas, eles trocam juras de amor; amor esse que vem com certas condições: deverá durar apenas uma hora e não passará de um faz de conta. Quando o tempo acaba, e a garota misteriosa foge como Cinderela à meia-noite, Daniel tenta se convencer de que o que aconteceu entre eles só parecia perfeito porque era puro fingimento. Um ano depois, Daniel conhece Six, e logo percebe que é possível nutrir um amor de conto de fadas por alguém completamente real. Especialmente quando os dois únicos amores de sua vida se revelam a mesma pessoa. Mas infelizmente, para Daniel, encontrar sua Cinderela não significa ser feliz para sempre… No mundo real, os problemas também são reais. E somente juntos eles vão perceber que o amor verdadeiro é capaz de provar que um casal não precisa ser perfeito para ter seu final feliz."
ALERTA! Esta resenha pode conter spoilers de Um Caso Perdido e Sem Esperança. Leiam por sua conta e risco! 

Com o quinto tempo de aula livre devido a um erro da administração da escola, Daniel costuma passar os cinquenta minutos ociosos que deveria estar na aula, tirando longas sonecas no armário do zelador. É lá que ele se encontra, pensando sobre como odeia todo mundo e o quanto sente a falta de Holder, seu melhor amigo que se mudou para Austen. Certo dia, escuta a porta abrir e é pego de surpresa por uma garota caindo sobre ele aos prantos, no escuro.

A situação é toda inusitada, mas por algum motivo ele sente empatia pela menina misteriosa. Sem trocar nomes ou informações pessoais, Daniel apenas a abraça até que ela se acalme e, após alguns minutos de silêncio e alento, eles se beijam. Quando o sinal toca, cada um precisa seguir o seu caminho e ela sai antes que ele possa sequer ver o seu rosto. O momento de incrível intimidade acaba tão subitamente quanto começou e para Daniel, aquilo poderia ser descrito como um sonho.

A partir de então, todos os dias o garoto espera que ela reapareça, mas acaba retornando à familiar solidão do quinto tempo sem aula quando isso não acontece. Entretanto, eis que a menina ressurge tempos depois, entrando no armário, novamente no escuro, deixando Daniel feliz por tê-la em seus braços mais uma vez. O fato de não saberem quem são torna tudo mais simples e honesto e os aproxima. Daniel e a garota conversam sobre como ela nunca se sentiu amada e sobre como ele nunca transou com alguém que amasse, porém, por mais que ele a veja como uma versão feminina de si mesmo, nem tudo é um mar de rosas. A jovem não só é contra namoros como também está prestes a se mudar de cidade.

Entre familiaridades, beijos e um crescente apreço mútuo, ambos decidem fazer amor, para que possam se despedir conhecendo a sensação. Eles se amam profundamente, em um faz de conta bastante real e, ao final, se despedem ainda sem se conhecer e, ao mesmo tempo, conhecendo um ao outro melhor do que ninguém mais. Apesar de ela ter afirmado que esta seria a última vez que o procuraria ali, Daniel não se satisfaz com os poucos momentos perfeitos que viveu ao lado da garota mais incrível que conheceu e então, decide que precisa encontrar a sua enigmática Cinderela no mundo real.

***

Em Busca de Cinderela começa com um lindo prólogo onde a autora Colleen Hoover divide com o leitor a sua própria história de Cinderela que, por sinal, é linda e podemos perceber o quanto ir atrás de seus sonhos acabou mudando a vida dela. Isto dá uma injeção de ânimo em quem está sempre adiando ou pensando que não vale a pena correr atrás do que tanto se almeja. Colleen, sua diva, assim você faz eu me apaixonar cada vez mais por você!

Mas a grande maravilha está no conto de Daniel e Six. Sei que a série Hopeless deixou os leitores divididos, mas ouso dizer que duvido que mesmo os que não gostaram dos volumes anteriores não se apaixonem por Em Busca de Cinderela.  Ao contrário de Um Caso Perdido e Sem Esperança, que possuem climas mais pesados, esta obra é leve, engraçada e o cúmulo da fofura!

Já conhecemos Daniel e Six dos exemplares predecessores, mas tê-los como foco da trama principal os torna ainda mais irresistíveis. Daniel é uma piada ambulante, sempre com uma tirada esperta e um comentário sagaz na ponta da língua para ganhar nossos corações. Six, por sua vez, é uma menina moleca feita sob medida para infernizar meninos espirituosos como Daniel. Eles são demais!

Infelizmente, o conto é bem curtinho, mas vale cada linha escrita e é narrado em primeira pessoa, por Daniel. Quem conhece os trabalhos antecessores da autora sabe que ela é mestre em escrever como personagens masculinos. O enredo ficou delicioso e mesmo nas partes mais tristes, ou nas que seriam mais pesadas, acabaram tornando-se delicadas e "não depressivas", diferentemente do que aconteceu em Um Caso Perdido.

Em Busca de Cinderela é tão bom que acabou ganhando de mim mais estrelas do que a série que o originou. Sou da opinião de que Daniel e Six mereciam uma duologia só para si, que tal?

Este conto é um encanto e se vocês são fãs de Colleen ou de um bom romance bem humorado, não podem deixar de ler Em Busca de Cinderela, uma fábula moderna que irá conquistar os seus corações.

Em busca de Cinderela - Colleen Hoover
Livro 2,5
Série Hopeless
Editora Galera
160 páginas
Comprar: Saraiva

7 comentários

  1. 160 páginas? só isso? :( hahha eu ainda não li um livro da colleen =/ mas gostei da sua resenha dany! beijos

    ResponderExcluir
  2. Dany,esse conto de Six e Daniel realmente parece ser uma fofura,um romance bem leve em comparação a dualogia que o originou,realmente merecia uma dualogia e não apenas 160 páginas,gostei de ser narrado por Daniel,entrou para lista de aquisições.Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha.
    Quero muito ler esse livro, como adoro livros do gênero de romance e aqueles clichês fiquei super interessada por Em Busca da Cinderela, já está em minha lista de leitura e pretendo ler em breve.

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Quero muito ler, gostei da historia e parece muito fofa o unica problema e que e muito curto o conto, e ainda tem esse quero mais aposto que vou me apaixonar pela historia e pelos personagens !!

    ResponderExcluir
  5. gente eu tenho que ler os livro da hoover, só vejo elogios. eu nem sei por onde começar. eles entraram na minha lista de desejados (ver agora tempo p ler)
    interessante a autora ser boa em escrever com personagens masculinos, nem sempre é o caso.

    ResponderExcluir
  6. Dany!
    Allém de ser fã da autora, amo as releituras de contos de fadas.
    Dois pontos positivos para ler o livro, concorda?
    Gosto também dos personagens masculinos descritos pela autora.
    Desejo uma ótima semana, cheia de luz e paz!
    “A alegria evita mil males e prolonga a vida.”(William Shakespeare)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  7. Estou lendo meu primeiro da Colleen que é justamente Um caso perdido. Estou amando, mas meio confusa porque to no comecinho ainda, rs
    Esse da 6 parece ser melhor ainda, mais puro, fofo, como se tudo fosse se encaixando.
    Amei demais a capa, lindérrima!!
    bjs

    ResponderExcluir