Semana Cinquenta Tons de Cinza - Curiosidades sobre o filme - Dia 7

Curiosidades sobre o filme Cinquenta Tons de Cinza
E estamos nos encaminhando para o final dessa Semana Especial de Cinquenta Tons de Cinza. Amanhã tem o último post com um vídeo bem legal que preparei para vocês. Já vimos muitas curiosidades sobre a autora, sobre o livro e já fiz até resenha do filme, vocês viram? E não esqueçam da super promoção que está rolando AQUI e que também termina amanhã.

Aproveitando que hoje é a data da estreia nacional de Cinquenta Tons de Cinza nos cinemas, pensei em compartilhar com vocês algumas curiosidades sobre os bastidores dessa mega produção.

ELENCO DO FILME:

Quem aqui se recorda do caos que foi no momento que anunciaram que Cinquenta Tons viraria filme? As fãs simplesmente subiram pelas paredes querendo ter o direito de opinar sobre qual ator deveria interpretar Sr. Grey nas telonas. A partir de então, iniciou-se uma disputa acirrada entre Iam Somerhalder e Matt Bomer.
Curiosidades sobre o filme Cinquenta Tons de Cinza
Vai, me confessem, quem aqui torceu para algum deles? kkkk Eu nunca consegui definir em minha mente quem seria um bom Sr. Grey, mas torcia muito para Anne Hathaway ser a Anastasia. Achava que ela se encaixaria perfeitamente no papel.

Portanto, quando Dakota Johnson foi escolhida para interpretar Ana nos cinemas, eu surtei! Fiquei completamente insatisfeita! Charlie Hunnam, o primeiro ator a ser escolhido para ser o Christian Grey, até que me agradou. Acho ele bem bonitão e também acho que Charlie tem uma boa pegada. Mas gente, ele não aguentou a pressão não. Dizem as más línguas que ele abandonou o projeto por causa disso, mas é claro que muitas outras desculpas também foram dadas.

Uma nova correria começou para conseguirem achar um bom ator que tivesse química com a atriz escolhida. A Dakota, tadinha, teve que fazer teste com vários! Mas bastou Jamie Dornan entrar em cena para dizerem: é ele! Igualmente fiquei insatisfeita com a escolha, porque, em princípio, não achava que Jamie me convenceria no papel. Mas bastou assistir ao filme para a minha opinião mudar acerca do casal.

Confiram abaixo o elenco definitivo de Cinquenta Tons de Cinza:
Curiosidades sobre o filme Cinquenta Tons de Cinza Elenco
PITACOS DA AUTORA:

Vocês sabiam que E. L. James lutou com unhas e dentes para que o filme Cinquenta Tons de Cinza fosse fiel ao livro? Seu maior medo era desagradar aos fãs e, assim, uma longa e difícil batalha foi travada entre ela e a diretora que, muitas vezes, tinha visões diferentes sobre como desenvolver cada cena.

Nos bastidores, James dividia-se entre o sentimento de relaxar e se divertir, apreciando as filmagens, e de controlar obsessivamente tudo, já que acreditava que era a única pessoa na qual os fãs confiavam. Numa entrevista, inclusive fez uma brincadeira dizendo que o Christian Grey teve a quem puxar no quesito "maníaco por controle".

Mark Bridges, figurinista do longa, disse que Erika o enviou diversos e-mails para explicar o que seus leitores esperavam para ver os personagens usando em determinadas ocasiões, referindo-se, por exemplo, ao vestido cinza de Ana, utilizado na formatura, e o vestido vinho tinto em que a moça usa no jantar com Grey. James também enviou fotos do jeans que Christian usa no quarto vermelho da dor, não só especificando a cor da calça, como também a forma em que ela deveria se moldar ao corpo dele.

O grande problema é que o cuidado e a proteção em demasia que James teve com a película gerou um enorme desconforto entre a equipe. A autora não conseguia entender que uma imagem vale mais que mil palavras, e que nem sempre o que funciona para um livro também funciona para um filme. Podemos citar o quarto vermelho da dor como um exemplo desse impasse. No livro, muito dos acessórios BDSM de Christian estavam guardados em gavetas, e Ana ia abrindo-as uma a uma, desvendando cada brinquedinho. Infelizmente, essa cena teve que ser cortada da produção por falta de tempo, algo que deixou Erika muito chateada. Ela tinha uma ideia tão bem formada na cabeça, que não admitiu conceber algo diverso. Fonte.

Mas a gota d'água para a autora foi quando Sam tentou modificar o diálogo final do filme.

"Originalmente, a cena final foi roteirizada pela própria autora. Nela, "pare" é a última palavra pronunciada no filme. Mas a sequência foi modificada pela cineasta e pelo roteirista Patrick Marber. Nesta nova versão, a palavra "vermelho" encerrava a sequência final. E.L., porém, exigiu que a sua ideia inicial fosse mantida.", caso contrário, ameaçou retirar o apoio ao longa, alertando os fãs nas redes sociais. Fonte.

PREPARAÇÃO DOS ATORES:
Curiosidades sobre o filme Cinquenta Tons de Cinza
(Foto: Steven Pan/Glamour Magazine)

Encontrei uma entrevista muito divertida feita pela Glamour com os atores do momento. Vejam alguns trechos que transcrevi abaixo:

De acordo com Jamie: "Eu precisei ralar muito pra entrar em forma, porque o Christian é muito objetivo sobre isso. Mas também não eram seis horas por dia. Não dava pra virar pra minha esposa grávida e falar 'olha, to indo passar seis horas na academia, me manda uma mensagem se entrar em trabalho de parto."

"Nessas seis semanas de preparação antes do início das filmagens, minha filha nasceu. Foi uma época insana. Pra fazer laboratório, numa noite chuvosa de terça-feira, dei um beijo de boa noite no bebê e na minha esposa e fui até uma masmorra assitir a uma sessão de sadomasoquismo. O dominador foi nosso conselheiro nesse trabalho. Sempre que havia alguma cena sendo gravada no Quarto Vermelho [a sala que Christian usa para praticar BDSM; bondage, disciplina, sadismo e masoquismo], ele estava lá pra falar 'você está fazendo isso errado." Então eu o assisti fazendo o que ele sabe fazer... Era bem amigável, um approach bem diferente da maneira como eu via o Christian ser no Quarto Vermelho. Acho que o Christian leva isso um pouquinho mais a sério."

"O primeiro dia [de filmagens] foi tipo vivenciar uma experiência fora do meu próprio corpo. Eu cheguei lá e eles disseram: 'Ação!'. E eu fiquei tipo 'Que p*&%a tá acontecendo? Eu sou pai!'." Fonte.

Segundo Dakota: "Eu e Jamie compartilhamos o mesmo personal trainer. Era importante pra mim que o corpo da Anastasia parecesse com o corpo de uma menina que está na faculdade e malha. E eu ia ficar pelada né, então eu queria estar bonita. Malhei bastante fiz mais depilação do que qualquer mulher deveria fazer!"

"Eu não fui a masmorras do sexo. A princípio, eu queria manter certa distância disso, porque eu queria que as reações da Anastasia a certas coisas fosse completamente real e honesta, tipo nova. Mas, de fato, eu li muito sobre a cultura do BDSM. É tudo sobre o fluxo na troca do controle entre duas pessoas. Pra mim, tem algo de muito honesto em  querer perder o controle por um breve momento."

"Tive muito mais tempo pra me preparar que o Jamie, preciso parabenizar ele!"

"Eu acho que as mulheres são tão atraídas pelo Christian porque ele é muito elegante e ambicioso e inteligente e forte. Mas eu não sei se conseguiria ter a mesma paciência que a Anastasia tem com ele..." Fonte.

CURIOSIDADES SOBRE AS FILMAGENS:

Além de manter-se fiel às descrições do livro e criar a atmosfera obrigatoriamente sombria, a filmagem foi feita em Vancouver, Canadá, que, no filme, representou as cidades americanas de Seattle e Vancouver (WA) e Portland (OR). Embora a história aconteça durante os meses de verão, a filmagem teve que ser iniciada em dezembro. Afinal, filmar nos meses do inverno resultou na atmosfera sombria criada por E. L. James, que acontece em julho e agosto. Cientes de que estavam tratando de uma narrativa interna, em primeira pessoa, os cineastas aproveitaram todas as oportunidades que tiveram de explorar os arredores, com mais de 55 locações escaladas para a filmagem.

Por isso, todas as precauções foram tomadas. Para se ocultar a verdadeira natureza do projeto, o título Cinquenta Tons de Cinza foi inteiramente proibido em todo o set, nas correspondências e em todo material impresso que tivesse alguma relação com o filme. Em vez disso, usou-se o título de A Aventura de Max e Banks (Max é o nome do cachorro de E. L. James, e Banks é o nome do cãozinho de Kelly Marcel).

CENAS DE SEXO:

Pelo que andei pesquisando e entendi, outra coisa que incomodou um pouco a autora foi o fato de não ter muitas cenas de sexo explícito no filme. Convenhamos, tudo ficou muito mais light nas telonas do que mostrava na obra. A diretora deixou claro desde o início que iria se focar na história de amor e que não haveria nu frontal e muito menos cenas vulgares ou muito detalhadas. Quem quisesse ver filme pornô que alugasse na locadora. O objetivo de Sam era ater-se à sensualidade do momento e na expectativa da transa do que nela em si, e realmente a diretora atingiu suas metas.

A cena que envolve o casal, um banheiro e um absorvente íntimo, também ficou de fora do longa. A diretora Sam Taylor-Johnson contou, em entrevista, que a cena sequer chegou a ser cogitada. Sinceramente, até hoje não entendi a polêmica em relação a essa cena. Achei tão "insignificante" no livro que quando surgiu toda a polêmica nem me lembrava sobre o que se tratava. Mas numa coisa devo concordar, não teria por que figurar no longa.

"Para fazer o papel dominador de Christian, Dornan contou que frequentou um clube BDSM (acrônimo para Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo), como parte do laboratório para compor seu personagem: "Entrei lá e me ofereceram uma cerveja. Depois fizeram… tudo o que eles curtem. Pude observar uma pessoa dominadora com duas de suas submissas." Fonte.

As filmagens dos momentos mais íntimos foram feitas em locais fechados e com uma equipe reduzida, já que não queriam expor o casal e muito menos fazê-los repetir muitas vezes a tomada. 

Dakota proibiu sua família e amigos mais próximos de assistirem ao filme, por considerá-lo inapropriado. Além disso, declarou que foi difícil filmar o longa com Jamie Dornan. Segundo ela, houve "alguns momentos dolorosos", quando os dois tentaram recriar cenas de sexo explícito no set. 

"Eu fui chicoteada uma vez em que ele me jogou na cama, doeu muito. Eu queria que a gente tivesse um vídeo com os erros de gravação. Uma vez, a gente estava fazendo uma cena na cozinha de Christian, e eu achei que ia ser divertido me esconder num armário. Até que tentei abrir a porta, mas não era um armário real. O cenário inteiro caiu em cima de mim". Fonte.

UM MUNDO DE LUXO: 

É evidente que dinheiro não é problema para Christian. Para os cineastas, isso significou que tudo que fizesse parte do mundo do bilionário e fosse mostrado na tela tinha que exalar luxo, extravagância e o melhor que o dinheiro podia comprar. Em uma produção restringida por um orçamento (mesmo que fosse grande), todas as equipes de design tinham que se esforçar ao máximo.
  
"Tudo que tem a ver com o Christian tem que ser mais que impressionante. É uma vida de fantasia, e o aspecto de tudo que fazemos tem que estar a altura dessa fantasia”, comenta Jamie Dornan. 

“Sem o ingresso nesse mundo de luxo particular e sem o trabalho visual necessário para evocar tudo isso, tudo que sobra é um filme sobre sexo, e não é esse o verdadeiro tema”, observa Dakota Johnson. 

TOUR PELO APARTAMENTO DO CHRISTIAN GREY:
A Universal preparou um site divertidíssimo em que podemos fazer uma exploração pelo suntuoso apartamento do Sr. Grey, com direito a nos deliciarmos com fotos do filme, trilha sonora, algumas falas do Christian e fotos de detalhes da decoração que são lindas. Cliquem AQUI e explorem um pouquinho desse universo de Cinquenta Tons.
  
TRILHA SONORA:

Querem entrar no clima? Aproveitem para escutar a trilha sonora que embala essa erótica história de amor. Cliquem AQUI.

SEX SHOPS INVESTEM EM PRODUTOS INSPIRADOS EM CINQUENTA TONS:
Curiosidades sobre o filme Cinquenta Tons de Cinza sex shop
Com a chegada do Valentine's Day e do lançamento do filme, a indústria de produtos eróticos investiu em peso em brinquedinhos para adultos inspirados na franquia do Cinquenta Tons. Eles acreditam que muitos dos que verão o filme, se empolgarão com a história e com o estilo de vida de Grey a ponto de irem atrás de tais objetos para a sua satisfação sexual. Fonte.

O QUE PODEMOS ESPERAR DA ADAPTAÇÃO DE CINQUENTA TONS MAIS ESCUROS?

Já ficou óbvio que o clima nos bastidores entre a autora e a diretora não foi nada amigável, certo? Por isso mesmo, não me surpreende o fato de que a Universal ainda não confirmou o início das gravações e nem uma possível data de lançamento para o próximo filme.

Há rumores de que estão procurando por um novo diretor e roteirista, já que Jamie deixou claro que, para ela, o longa recebeu uma nova nove. Ficou bom, mas podia ser muito melhor.

Os fãs também estão em dúvida sobre como serão rodadas as cenas de sexo do segundo filme, já que a sequência da trilogia é ainda mais explícita e apimentada que a sua antecessora.

A Universal ainda tem que decidir se irá dar controle total à autora em relação ao roteiro e, dependendo das decisões que serão tomadas, descobriremos se Cinquenta Tons mais Escuros começará a ser filmado em junho, conforme os planos originais, para ser lançado no Valentine's Day do ano que vem.

Só me resta torcer para que dê tudo certo e que a próxima adaptação cinematográfica seja ainda melhor que essa.

Fiquem de olho nos vídeos que separei para vocês e entreguem-se ao Cinquenta Tons de Cinza:

TRAILER


CENA DA ENTREVISTA COM CHRISTIAN



CENA EM QUE CHRISTIAN SURPREENDE ANA NA LOJA CLAYTONS



CENA EM QUE ANA ACORDA NO QUARTO DE GREY NO HOTEL



POR DENTRO DA HISTÓRIA


2 comentários

  1. eu vi esse filme na segunda e estava bem ansiosa para conhecer como seria a adaptação feita, confesso que adorei cada minuto das 2 horas de longa.
    O sexo para mim foi explorado como a libertação do prazer que rompe com preconceitos!
    e vc postando essas curiosidades me mostra quão intensa foi essa preparação e cuidado com a trama
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Mi, tive que assistir uma sessão atrás da outra para assimilar todos os detalhes, acredita? A mulherada na primeira sessão simplesmente não calavam a boca! Estéricas demais com cada cena! Kkkkkk... Na segunda sessão consegui pegar os detalhes e sem dúvida, foi tudo montado com riquezas de detalhes e agradecemos muito a autora por se fazer presente nas gravações. Assistir a uma adaptação e ver o quão próxima ficou do livro é a alegria de todo fã!

    www.citacaonumclick.com.br

    ResponderExcluir