Resenha - Filme Maze Runner

Resenha - Filme Maze Runner
Sinopse: "Thomas (Dylan O’Brien) acorda preso em um enorme labirinto com um grupo de outros garotos e sem memória do mundo exterior a não ser por estranhos sonhos sobre uma misteriosa organização conhecida como C.R.U.E.L. Apenas ao explorar os fragmentos de seu passado com pistas que ele descobre no labirinto, Thomas poderá descobrir seu verdadeiro propósito e uma maneira de escapar."

Há anos, meninos sem memória acordam numa clareira, dentro de um labirinto. Todos os meses, mantimentos eram enviados por meio de uma gaiola juntamente com um novato. Nunca ninguém conseguiu escapar do labirinto que, todas as noites, fechava as suas portas e mudava seu trajeto. Nunca ninguém conseguiu sobreviver uma noite dentro de suas imediações sem que os verdugos o matassem. Nunca ninguém questionou as regras de sobrevivência impostas por Alby. Nunca ninguém se voluntariou para ser um corredor. Nunca. Até Thomas chegar.

Quanto Thomas acordou, apavorado, sem nem lembrar seu nome, tudo o que ele mais queria era fugir dali. Que lugar era aquele? Quem eram aquelas pessoas? E o que significavam aqueles sonhos estranhos que o assolavam, com pessoas dizendo que "cruel era bom" e que "as coisas iam mudar"?

Ele tentou se adaptar a dinâmica do grupo, ser útil, se socializar, mas seus esforços foram em vão. Thomas só pensava em invadir o labirinto e conquistar a sua liberdade, e estava disposto a enfrentar todos aqueles que se colocassem no seu caminho. Rapidamente conquistou a animosidade de Gally, que ficou de olho no garoto, pronto para puni-lo ao menor sinal de transgressão das regras. Thomas insistia com Alby e Newt que queria ser um corredor, mas estes não achavam prudente, não cedendo aos apelos do menino.

Corredores eram os únicos que tinham permissão para percorrer e mapear o labirinto, a luz do dia, em busca de uma saída. Se, por acaso, eles não voltassem até o sol se pôr, os portões do labirinto se fechavam e suas vidas eram sentenciadas à morte, uma vez que nenhum corredor jamais sobreviveu a um ataque de verdugo para contar história. Mas, de repente, verdugos começaram a atacar de dia, aterrorizando a pequena população da clareira. Alby decidiu investigar o labirinto com a ajuda do melhor corredor, Minho, e quase terminou morto, se não fosse pela ajuda e imprudência de Thomas, que entrou correndo no local, instantes antes das portas se fecharem, prendendo os três do lado de dentro.

Thomas estava resoluto não só a sobreviver a uma noite dentro do labirinto, como a encontrar a saída daquele lugar. O que ele não imaginava é que tinha muitos mais segredos a desvendar que transcendiam a uma rota de fuga de monstros mortíferos. E se você fosse a chave para a solução, mas também para os problemas que o rodeiam, o que faria? Em quem confiar?

Querem saber o que vai acontecer? Então assistam ao filme.

***

Maze Runner: Correr ou morrer, adaptação cinematográfica do livro de mesmo nome, escrito por James Dashner, estreia hoje, 18/09/2014, nos cinemas de todo o Brasil. Tive a oportunidade de assisti-lo em cabine de imprensa com Leo, na segunda-feira. Fui ao cinema sem ter a mínima ideia do que se tratava a história, sem nem mesmo ter assistido ao trailer, o que me proporcionou uma experiência curiosa.

Primeiramente, achei que fosse me deparar com um tremendo de um clichê, sem roteiro e entupido de cenas com efeitos especiais, mas não. Maze Runner possui uma proposta muito interessante. A trama nos faz questionar sobre a pseudo liberdade na qual vivemos. Além disso, nos instiga a nos posicionar sobre a validade de vivermos uma mentira feliz, ou uma verdade destruidora. Muito me lembrou do enredo de Silo, que aborda esta mesma temática.

Ademais, o longa não deixou a desejar nas cenas de ação, que foram eletrizantes, a ponto de me deixarem grudada na poltrona, hipnotizada na tela e totalmente envolvida na história. Eu fiquei tão nervosa nos momentos de clímax que cheguei a quase passar mal. Me deu uns calorões e baixou a minha pressão, e fazia tempo que um filme não me atraia dessa forma.

Mas o que mais gostei em Maze Runner foi a interpretação do elenco que está show, apesar de ser praticamente composto só por jovens. Não conhecia Dylan O'Brien e achei sua atuação muito parecida com a de Logan Lerman, nos filmes do Percy Jackson. Thomas tem uma carinha fofa e atraente e convence o público de que nada sabia sobre a sua vida, conseguindo transmitir as angústias que sentia e o seu desejo de desvendar os mistérios que circundavam o labirinto. Chuck me conquistou logo de cara, assim como quebrou meu coração ao final. Até de Gally eu "gostei", ainda que tenha sido apresentado como sendo o "vilão" da história. Will Poulter foi bem sucedido na sua tarefa de me fazer odiá-lo no desfecho.

Não li os livros, então fui ao cinema sem nenhuma base de comparação, e confesso que finalmente entendi o quão complicado é assistir a um filme com um fã literário histérico ao lado. O tempo todo tive que acalmar Leo que parecia querer pular da poltrona e soltava uns berros de indignação por alguma alteração da história. Portanto, serve de alerta, pelo que percebi, o longa não conseguiu ser fidedigno ao livro, infelizmente. Outra dica é, não esperem por muitas respostas. Apesar de Thomas e sua turma conseguir solucionar alguns enigmas, a película termina nos deixando com ainda mais dúvidas, que provavelmente serão respondidas nos filmes subsequentes da franquia.

Mas para quem pouco se preocupa com o fator "fidelidade na adaptação", veja sem medo. Maze Runner tem tudo para ser um sucesso de bilheteria, uma vez que consegue aliar um bom roteiro, com excelentes cenas de ação e efeitos especiais, e uma turma de atores carismáticos e expressivos. Entretanto, não vão com tantas expectativas assim, já que este é um filme meramente de entretenimento que não irá mudar suas vidas.

Para quem busca diversão em família e curte o gênero, certamente Maze Runner é uma boa pedida. Assistam e depois me digam o que acharam.

* Agradeço ao Espaço/Z por ter me proporcionado assistir ao filme em primeira mão, numa cabine de imprensa. 
 
Título original:  The Maze Runner
Roteiro: Grant Pierce Myers, James Dashner, Noah Oppenheim e T. S. Nowlin
Direção: Wes Ball
113 minutos
TRAILER


***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA DE SETEMBRO.

Clique AQUI e saiba como participar.

19 comentários

  1. Mi,
    Esse é um dos filmes mais esperados por mim desse ano (além de A Esperança)!
    Não li o livro e tenho (vergonha). Estou ansiosa e com muitas expectativas, pois não existe um ser que tenha lido e não tenha gostado! Pelo visto James não deixa a desejar!!!
    Eu simplesmente AMO o Dylan por conta de Teen Wolf... acho que ele trabalha muito, mas muito bem na série e esse é outro ponto a favor da adaptação!
    Não tenho nada contra ver antes de ler, muito pelo contrário, geralmente eu gosto que seja assim mesmo, rs.
    Altas expectativas, bora esperar!
    Beijos
    Chrys Audi
    http://www.todasascoisasdomeumundo.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi mi, tudo bem? Também não li Maze Runner e to pensando em ver o filme sem ler antes mesmo. Estou com muitos livros aqui em casa mas n tenho o do maze runner e como to sem comorar livros, não vai rolar.
    Pelo trailer acho q vou amar!
    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
  3. Eu tbm não li os livros,pra ser bem sincera nem me interessei mto por eles,até ver o trailer do filme!Geeenteee,eu já me apaixonei no trailer,se eu assistir ao filme com certeza vou querer os livros kkkk
    Ansiosa agora pra poder assistir!
    Bjus

    ResponderExcluir
  4. Oi Mi, como vai?
    Vi o filme ontem na estreia e gostei muito, achei que foi fiel ao livro, mas para compreensão do telespectador algumas coisas tiveram que ser mudadas, mas ainda assim bem parecido com o que o livro traz.
    Quero muito ler o segundo volume para saber sobre a segunda etapa.
    Beijos,


    www.enquantoestavalendo.com

    ResponderExcluir
  5. Pelo que eu vi do trailer, parece sem um ótimo filme, com bastante ação, mas eu odeio assistir uma adaptação sem ter lido o livro primeiro. Não sei porque, acho que é mania!kkkk Eu não assisti 'Se eu ficar' até ter lido o livro. Então, eu vou ler primeiro e vou assistir ao filme depois.

    PS: Não poderia deixar de dizer que uma das razões para mim assistir ao filme é o Dylan O'Brien, Amo esse ator!

    ResponderExcluir
  6. Caramba! Se o filme já é tão intenso assim imagina o livrooo!!
    Provavelmente eu irei ao cinema antes de ler o livro, mas vou tentar arrumar o livro tbm!
    Parece ter bastante ação!
    Preciso dessa série jááa!
    hahaa

    ResponderExcluir
  7. Oi Mi, que filme é esse hein? Nossa adorei a resenha, geralmente não gosto de filme com muita ação, mais esse parece ser bem interessante, primeiro quero ler o livro. Amei!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Li o livro e estou louco para ver o filme ! Já sei que fizeram váaarias mudanças mas temos q pensar q em livros podemos fazer tudo ja em filmes é mais dificil ( por ex: no livro vc pode fazer um predio pegando fogo no 1 andar , inundado no 2 , com um furacão no 3 e com uma baladinha cheia da bichos no 4 , tuts tust q filme animado kk' mas transforma em filme seria uma coisa '' interessante '' de fazer e de se ver..) .Já estou lendo o 2 livro e se o filme tiver continuação vou ficar mto feliz pois a historia e mto boa ... espero gostar do filme * --- *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Helton, sei que adaptações são complicadas, de mesmo modo que é difícil inserir um tantão de história dentro de um curto espaço de tempo.. o que não entendo é quando eles mudam algo significativo, como parece que aconteceu aqui. Beijos

      Excluir
    2. Isso mesmo eu assisti o filme e achei q as coisas passaram rapidas demais mudou coisas importantes isso eu achei chato mas o filme em si é bom *----* agr q vi q vc me respondeu

      Excluir
  9. Eu particularmente me apaixonei só de assistir ao trailer, imagina o filme como vou ficar.
    Ainda não li o livro, pois fiquei sabendo a uns dias que esse filme se tratava de um Best Sellers, ai vc já viu né, sai correndo pra procurar mas alguma coisa do livro/filme e fiquei babando pelos dois aqui.

    Abçs :)

    ResponderExcluir
  10. Que privilégio ver esses filmes antes de todo mundo rsrs. Já conversei com alguns amigos que assistiram e me disseram que é muito bom! Pena que minha cidade não tem cinema, então tenho que esperar sair pra download em qualidade boa heueheuehu! Acho que vou gostar de Maze Runner pq faz o tipo de filme que eu curto.

    ResponderExcluir
  11. Caramba fiquei apaixonada pelo trailer
    sinceramente tenho aliais devo assistir filme
    não porei ver no cinema mais nao vejo a hora de passar
    na Tv meu deus e perfeito ! Que lanbirito misterioso

    ResponderExcluir
  12. Oii,
    To morrendo de vontade de assistir o filme desde que vi o trailer... Tbm nunca li os livros, mas pelo que pude ver gostei da proposta... Pena saber que muita coisa fica sem resposta no final... Mas vou assistir e o mais rápido possível...
    Kisses =*

    ResponderExcluir
  13. Quero muito assistir esse filme, por mais que eu ainda não tenha lido os livros, parece que eu posso assistir sem medo de mnemônica decepcionar .

    ResponderExcluir
  14. Eu até gostei dos efeitos especiais que vi na prévia, mas eu não gostei do livro, sério, nem consegui acabar, achei sem pé nem cabeça. Então não tenho vontade de ver o filme.

    beijos

    ResponderExcluir
  15. Não li o livro e nem vi o trailer mas depois da sua resenha fiquei curiosa para ver o filme, assim como você chegar lá sem expectativa alguma. O livro acho que vou empurrar lá pro ano que vem, assim não fico doida com a adaptação não fiel ao livro,rs.

    ResponderExcluir
  16. Oi Mi xD

    Estou indo amanha no cinema assistir Maze Runner *--* Estou com ótimas expectativas e sei que vai ser perfeito. Estou louco pra descobrir esses mistérios dentro do labirinto. *u* Dps conto mais, rs.

    Beijo, Lucas.

    ResponderExcluir
  17. estou doida pelo livro e pelo filme tbm e sua resenha so faz aumentar mais o meu interesse em ver-o !

    ResponderExcluir