Resenha - Tentação sem limites

Resenha Tentação sem limites Abbi Glines
Sinopse: "A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la? O terrível segredo de Rush Finlay. Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo. Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada a festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente. Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela. Segundo volume da trilogia Sem Limites, que já vendeu mais de 5 milhões de exemplares no mundo, Tentação sem limites é tão viciante e tentador quanto uma paixão proibida."

ALERTA! Esta resenha pode conter spoilers do primeiro livro, Paixão sem limites. Leiam por sua conta e risco!
 

Blair estava sozinha no mundo. Com a descoberta do grande segredo de Nan (que na verdade mais parecia seu próprio segredo), o abandono do pai e a perda de sua mãe e irmã, ela já não sabia mais a que lugar pertencia. Cain havia se mostrado muito amoroso ao oferecer a ela um lugar para ficar, um ombro amigo e a companhia de pessoas que a amavam, mas havia muito com o que Blair precisava lidar agora. Havia a solidão, as mentiras, a saudade dolorosa que sentia de Rush e a necessidade de encontrar um lugar no mundo ao qual pertencesse.

Na Flórida, Rush não tem noção de como retomar a sua vida. Aquela garota havia mudado tudo e ninguém conseguia reanimá-lo. A casa se conserva limpa, as festas já não ocorrem mais. Com os nervos à flor da pele, aproximar-se de Rush passa a ser uma tarefa cautelosa para seus familiares e amigos. Ele não precisa de mais nada nem ninguém. Ele precisa apenas de Blair, mas a perdeu. 


Uma nova reviravolta abala ainda mais as frágeis bases que sustentam a vida de Blair, e atendendo às suplicas de sua única amiga, Beth, ela retorna à Rosemary temporariamente até que decida para onde ir em seguida. Dividindo um pequeno apartamento com a amiga e tendo seu antigo emprego de volta, ela precisa se preparar para enfrentar o convívio com as pessoas que a magoaram: Seu pai, sua nova esposa, Nan... e Rush.

Brair não está certa de como será reencontrar Rush. Ele só pensa na chance de vê-la de novo. Mas apesar de todo o amor, como Blair pode perdoar alguém que lhe causou tanta dor? Como esquecer todas as mentiras? E acima de tudo, como ela conseguiria conviver com alguém que ama tanto, mas em quem já não consegue confiar?

Nada tem sido fácil na vida de Blair nos últimos anos, e aparentemente, ainda não é agora que a vida lhe concederá uma trégua.

***

O livro é a aguardada continuação de Paixão Sem Limites, e é contado pelo ponto de vista tanto de Blair, quanto de Rush, intercalando-se entre os capítulos. Como romântica, porém pessimista, adoro a personagem da Blair e me identifico muito com ela. E gente, será que algum dia essa menina vai ter uma vida tranquila e feliz? Tadinha!

A leitura desse segundo volume da série é super rápida. Em alguns momentos, fiquei me perguntando se afinal aconteceria uma grande reviravolta, mas mesmo que não houvesse, a história se sustenta com um ritmo bom, exceto pelo final. Como não sabia se o livro teria continuação ou não, confesso que o final me soou um pouco sem graça, mas eu e a Mi já fomos atrás, e as histórias fazem parte de uma trilogia. Então podemos respirar aliviados, pois não acaba por aí.

Como li os dois volumes juntos, preciso comentar sobre a série de forma geral. Eu gostei? Sim! Como já disse gosto muito da Blair e o Rush acaba sendo um fofo/perturbado. Mas tenho meus poréns: (1) achei o romance muito “enfiado goela abaixo" no primeiro livro. Eu ainda nem tinha decorado os nomes deles e eles já estavam torridamente apaixonados, mas pelo menos a coisa se sustenta depois; (2) só eu senti semelhanças extremas com outros títulos do gênero? (3) ela é uma fatalista, pessoas fatalistas não mudam de ideia em apenas uma conversa; (4) não posso falar sem dar um mega spoiler, mas decididamente acho péssimo que o gênero sempre acabe nesse mesmo contexto.

Não me entendam errado, apesar de minhas ressalvas, eu gostei da série. Exceto pela família do Rush, queria todos os outros morando no meu bairro (que gente linda!) e estou louca para ler os outros títulos. Para quem ainda não sabe, Tentação sem limites faz parte da série Sem Limites, composta pelos livros: Paixão Sem Limites, Tentação Sem Limites e Forever Too Far. Além disso, a autora escreveu um livro extra narrado exclusivamente por Rush, chamado Rush Too Far.

Mas não acaba por aí. A série Tentação Sem limites faz parte de uma outra série chamada Rosemary Beach, que conta a história de outros personagens dos primeiros livros, como do amigo e chefe de Blair, Woods, e do irmão de criação do Rush, Grant. Se quiserem conhecer a coleção completa, cliquem AQUI.

E não, não vou encerrar minha resenha sem dizer que fiquei ofegante em vários trechos do livro, e quem já leu Paixão Sem Limites, tem uma ideia do por quê. Posso pedir um assim de presente?

Tentação Sem Limites - Abbi Glines
Livro 02
Série Sem Limites
Editora Arqueiro
208 páginas
Comprar: Saraiva
***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA DE MAIO.

Clique AQUI e saiba como participar.

36 comentários

  1. Estou lendo um livro dessa autora no momento mais não é esse.
    Não sabia que tinha livros dela já publicados no Brasil. Estou lendo o do Grant e da Harlow.
    É bem mamão com açúcar mas é interessante. Gostei da escrita da autora.
    Eu ainda não li esse. Acho que não tem diferença já que as histórias são sortidas e sem conexão um com o outro ( exceto claro os personagens.)
    Gostei da sua resenha Mi. Vou adicionar esse livro no skoob.
    Beijos
    Mariana - WTF.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tori!
      Então, aparentemente a maioria dos livros dela é sobre esta mesma praia, e apesar de não terem conexão os personagens meio que se cruzam em algum ponto. Onde se passa o que você está lendo?
      E realmente, não tem lá muitas emoções, mas é legal.
      Beijão!

      Excluir
  2. Oi Dany..
    Vi que gostou do livro, mas procurei não ler muito , pois ainda quero ler os livros.
    Eu adoro o gênero e sei que também irei gostar.
    Mas você tem suas ressalvas né, pois deu 3 estrelas.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia!
      Então, eu gostei da história e o livro é bom, mas como ele tinha potencial pra ser bem melhor, acabei não dando tantas estrelas pra eles, ainda mais que caiu num erro terrível que eu detesto quando acontece nos livros desse gênero, ma você vai precisar ler pra saber o que é! hehehe
      Beijão, linda!

      Excluir
    2. Agora fiquei curiosa..rs

      Excluir
    3. kkk eu já sei o que é :P kkk

      Excluir
  3. Ooi Dany tudo bom?
    Não gosto desse tipo de livro... não sei mais ele não mi chama atenção é não encaixa em meus gosto de livros.. :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mirelle!
      Bom, se não é muito seu estilo, não indico essa coleção para começar, pois apesar de ser bom, não é tudo aquilo e a história não é tão elaborada. Eu realmente sinto falta de histórias bem elaborada nos livros desse gênero. Esse não é meu gênero preferido, mas normalmente quando começo a ler um gênero eu procuro ler mais livros do mesmo em seguida pra conhecer um pouco mais. As histórias são ok, mas poucos realmente acabam marcando.
      Beijão, gatona!

      Excluir
  4. Paixão sem limites e justamente a minha leitura do momento. Mas peguei ele ontem e como tive um trilhão de coisas pra resolver, estou apenas no comecinho ainda, me acostumando com os personagens.
    Mas pelo que li na sua resenha, acho que vou gostar bastante da história.

    Bjok

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel!
      Olha só, que legal! =)
      Espero que goste. Apesar das minhas ressalvas, eu ja estou doida por mais livros da serie =)
      Beijãoo!!

      Excluir
    2. Nossa, eu li o livro em 2 dias... rsrs
      Adorei a história, confesso que quase morri com o final, mas agora preciso urgentemente ler Tentação sem limites, principalmente depois da resenha... rsrs

      Bjok

      Excluir
    3. Nem fala, Raquel! Já estou doida pelo resto da série.. hauhauhuahua principalmente o livro sobre o filho do dono do clube.. adorei ele.
      Beijão e ótima leitura pra você!

      Excluir
  5. Li o livro numa tacada só. A autora começou até bem mas do meio por fim... Vacilou legal. Achei a razão para Blaire e Rush não ficarem juntos uma besteira só. Além os diálogos eram um tanto sem pé nem cabeça em alguns trechos e a narração da terceira transa deles foi mal escrita e causou-me mal estar ao invés de tesão. Comecei a ler Tentação mas desisti. Não entendo essa moda de escrever versões, muitas vezes a história principal basta por sí só.Sinceramente eu não recomendaria a leitura da série.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Go!
      Pois é, o livro tem varias coisas que não concordo também, acho que a história poderia render algo muito melhor do que isso, mas até entendo a revolta dela no primeiro livro, ela se sentiu enganada, e pra alguém que já tinha sofrido tantas coisas, é complicado. Mas o primeiro é melhor do que o segundo, então se você já não gostou do primeiro, realmente não indico, pois até eu que curti o primeiro tive várias ressalvas com o segundo. Beijão!

      Excluir
  6. Então, não digo que eu não leria, porque pense numa pessoa sem frescura pra ler sou eu. Leio de tudo desde que prenda a minha atenção, mas daí a ter despertado meu interesse despertou muito, não. Rsrsrs Ainda mais com a Tori dizendo ali que é mamão com açúcar. Hauhauha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Kris, a história poderia ser bem melhor elaborada mesmo, não vou mentir. Mas é uma leitura despretensiosa legal, especialmente o primeiro. O segundo deixa bem mais a dever.
      Beijos!

      Excluir
  7. Oi, Dany
    Já li esse livro e gostei muito. Foi uma leitura super rápid. Gostei muito do casal, Blare e Rush , achei que tinha química.
    Também gostei dos capítulos intercalados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Monica!
      É, a leitura é bem rápida mesmo, eu li os 2 volumes disponíveis da série em um dia só.. rssssss. A química do casal também é inegável, mas no segundo tive raiva da Blair em varios momentos. Menina cabeça dura!! ahauahu
      Beijão!

      Excluir
  8. Não li a sinopse por saber que é o segundo livro da série. Ao ver o aviso sobre spoiler, também não quis ler a resenha. Por se tratar de um new adult, tenho muita vontade de ler. E descobrir algo sobre o primeiro livro por causa da resenha do segundo vai acabar me deixando desanimada... :/
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ba, toca aqui, também adoro new adult hehehehe. O primeiro é bem bom, mas o segundo me decepcionou em muitas coisas, apesar que de forma geral ainda quero continuar lendo a série porque realmente gosto do casal. Me conta o que achou depois que ler ;)
      Beijão!!

      Excluir
  9. Minha colunista leu esse livro, e acompanhei seus surtos via sms. A sua classificação foi igual a dela, e os comentários também. Não faz muito meu estilo literário, mas pretendo ler alguns new adults em breve! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, confesso que tenho ficado meio decepcionada com os últimos new adults que li. Mas como li Paixão sem limites, vou acabar me obrigando a ler as continuações só para descobrir o que aconteceu.. hehe Beijos

      Excluir
    2. Olá! Que bom que tivemos classificações parecidas. Eu fico sempre com medo de estar sendo a do contra e é bom saber que não estou sozinha nesses barcos heheheh.Obrigada por isso =)
      O gênero não é tão ruim, mas meu pé atrás com o gênero é que eles acabam caindo muito nos mesmos clichês. Assim que engreno uma nova história fico rezando para o autor não fazer as mesmas coisas, e aí quando me deparo com os clichês fico irritada pensando "Poxa, da pra ser mais criativo?" rssssss
      Mas existem os que se salvam, com certeza.
      Beijos!

      Excluir
  10. Olá! Que bom que tivemos classificações parecidas. Eu fico sempre com medo de estar sendo a do contra e é bom saber que não estou sozinha nesses barcos heheheh.Obrigada por isso =)
    O gênero não é tão ruim, mas meu pé atrás com o gênero é que eles acabam caindo muito nos mesmos clichês. Assim que engreno uma nova história fico rezando para o autor não fazer as mesmas coisas, e aí quando me deparo com os clichês fico irritada pensando "Poxa, da pra ser mais criativo?" rssssss
    Mas existem os que se salvam, com certeza.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou como você amiga, sempre achando que estou sendo do contra e me sentindo uma ET.. kk é bom quando encontramos pessoas que pensam parecido com a gente. Beijos

      Excluir
  11. Oi Mi, tudo bem?
    Eu ainda não li o outro livro, mas eu quero muito ler mesmo, parece que a historia é super legal e envolvente, adorei a sua resenha. Espero que o livro me agrade muito, pois as vezes eu fico tão empolgada com um livro e ele acaba não sendo o que eu esperava.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, na verdade quem leu e resenhou foi a Dany e ela não gostou tanto assim, pelo que pude perceber. Eu vou acabar lendo mais para matar a minha curiosidade.. hehe Beijos

      Excluir
    2. Oi Camila!
      Bom, como dizem por aí "hold your horses, baby".. hehehe Eu diria pra ir devagar na empolgação. O livro é legal, mas ele tem algumas falhas e enrolações, não posso negar. Ele não é ruim, mas teria potencial para ser bem mais, isso é um fato. Terminei ele com pena das personagens pela autora não ter se esforçado um pouquinho mais por eles, porque eles são sim cativantes, não vou negar. Espero que você goste. Beijão!!

      Excluir
  12. Ainda não li nenhum livro da série, mas estou com bastante vontade. Parecem ser bem legal, apesar do seu comentário sobre o romance ser enfiado "guela abaixo" me decepcionou um pouco, não curto muito livros assim, mas se a história for realmente boa, compensa esse fato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Re!
      Pois é, eu também não curto essa coisa de romances rápidos de mais porque demanda certo tempo para que entremos no clima também, não é mesmo? Acho que ele tem algumas falhas, mas de forma geral é interessante.
      beijão!!

      Excluir
  13. Como eu quero conhecer essa série <3
    Fiquei com o pé atrás por sua resalva.. quero entender o que deu de errado para você ter dado apenas tres estrela! Mas acho que terei que ler né? rsrs

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dreeh, e você viu que acabaram de lançar mais um volume? Estou louquinha pra ler!!
      As três estrelas foi mais porque acredito que os personagens poderiam render muito mais. A história é legal, cada personagem tem um background e uma história interessantes que poderiam ser melhor explorados, mas a história não se intensifica tanto quanto eu esperava. Minha ressalva infelizmente é algo que acontece em quase todo NA, Dreeh, e já virou meu preconceito literário! huahuahua. Dizendo isso, você já deve adivinhar o que é ;)
      Beijão!

      Excluir
  14. Tenho esse livro aqui em casa, mas ainda não o li, justamente por não ter o seu anterior. Por isso, pulei para os últimos parágrafos dessa resenha. Pelo que deu a entender, é uma história bem clichê, mas, mesmo assim, ainda tem seus encantos. E, a família Rush não faz parte deles. kkkkkkkkkkkk

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha definiu extremamente bem, Nardonio! É isso aí mesmo. :)
      Beijão!

      Excluir
  15. Oi Dany! Eu li o primeiro livro e amei! Apesar de ter tido algumas divergências com alguns pontos que a autora inseriu na história eu gostei demais. Estava super ansiosa pelo segundo livro assim que terminei mas agora desanimei um pouquinho porque percebi que ele não acrescenta muita coisa na vida e estou protelando a leitura. Mas fico contente em saber que não é tão ruim assim o segundo hehe Espero gostar tanto quanto o primeiro.

    Beijos, Greice.
    diariodaalvorada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, lembro quando te indiquei o Paixão ainda sem ter lido e de ter visto a tua resenha apaixonada. Daí quando fui ler, afff, quase joguei o livro na parede.. kk fiquei tão triste de não ter conseguido me empolgar também.. e agora depois de ter lido a resenha da Dany, sei lá, não sei mais se tô a fim de ler as continuações.. kkk talvez leia só porque sou mega curiosa e preciso saber de tudo o que aconteceu.. kkk Beijos

      Excluir