Resenha - O Circo da Noite

Resenha O Circo da Noite Editora Intrínseca
Sinopse: "Sob suas tendas listradas de preto e branco uma experiência única está prestes a ser revelada: um banquete para os sentidos, um lugar no qual é possível se perder em um Labirinto de Nuvens, vagar por um exuberante Jardim de Gelo, assistir maravilhado a uma contorcionista tatuada se dobrar até caber em uma pequena caixa de vidro ou deixar-se envolver pelos deliciosos aromas de caramelo e canela que pairam no ar. Por trás de todos os truques e encantos, porém, uma feroz competição está em andamento: um duelo entre dois jovens mágicos, Celia e Marco, treinados desde a infância para participar de um duelo ao qual apenas um deles sobreviverá. À medida que o circo viaja pelo mundo, as façanhas de magia ganham novos e fantásticos contornos. Celia e Marco, porém, encaram tudo como uma maravilhosa parceria. Inocentes, mergulham de cabeça num amor profundo, mágico e apaixonado, que faz as luzes cintilarem e o ambiente esquentar cada vez que suas mãos se tocam. Mas o jogo tem que continuar, e o destino de todos os envolvidos, do extraordinário elenco circense à plateia, está, assim como os acrobatas acima deles, na corda bamba."
O circo chega sem aviso. Até o dia anterior, tudo o que havia era um campo vazio, mas como mágica, agora ele está lá, imponente, gigantesco, mas parecendo um cenário abandonado. No portão da frente, uma placa avisa: “Abre ao cair da noite, fecha ao amanhecer”. Quando os últimos raios de sol desaparecem no horizonte e a noite se sobrepõe ao dia, o circo ganha vida. Incontáveis luzes fantásticas de ascendem, o cheiro de caramelo e guloseimas passa a tomar conta do ar e os portões se abrem. Agora todos os curiosos, incluindo você, podem comprar seus bilhetes e assistir aos espetáculos do mais incrível circo já visto: O “Le Cirque des Rêves”, O Circo dos Sonhos.

Célia Bowen não tem uma vida normal. Aos 6 anos, após a morte de sua mãe, é levada para que seu pai se encarregue de sua criação. Próspero, O Mágico, é um famoso ilusionista que até então não tinha conhecimento da existência da filha, mas que percebendo suas habilidades precoces, decide já ser tempo de voltar aos  jogos que realizava com seu antigo amigo e eterno rival, Alexander. As regras são simples: Ambos devem treinar seus aprendizes na arte da magia, e no devido tempo, o jogo começa, e só termina quando houver um vencedor. Alexander escolhe seu competidor em um orfanato. Ele adota Marco, por confiar em sua habilidade de observação, e se torna um tutor rígido, preparando o garoto para o jogo de sua vida.

Anos mais tarde, Chandresh Lefèvre, um empresário do ramo do entretenimento, que já organizou muitas das turnês de Próspero no passado e conhece Alexander, tem uma incrível ideia. Ele quer montar um circo, mas que ofereça uma experiência jamais antes vista! Seu assistente pessoal, Marco, é encarregado de organizar outro “Jantar da Meia Noite”, ocasiões sociais requintadas em que demonstra os incríveis dotes de seus misteriosos cozinheiros, mas que desta vez possui convidados especiais. Cinco pessoas influentes em diferentes áreas, Mr. Barris, um reconhecido engenheiro, Madame Padva, ex-primeira bailarina e famosa estilista, as irmãs Burgees, renomadas consultoras nas mais diferentes áreas, e o senhor A.H, o mais misterioso dos convidados. 

Nesta noite, Le Cirque des Rêves ganha forma, mas é apenas mais tarde, com a contratação de suas principais atrações que incluem uma formidável contorcionista e uma inacreditável ilusionista, filha órfã do próprio Próspero, O Mágico, que o circo ganha vida. Os envolvidos não o sabem, mas a arena para um desafio selado há muitos anos está montada. O destino de todos está entrelaçado e interligado à disputa entre dois rivais que não se conhecem, mas que tornam o circo o local mais fantástico da Terra. Mas até quando o equilíbrio será mantido? E o que acontecerá com o circo e com todos os envolvidos quando houver um vencedor? Qual será o destino do perdedor? Poderá uma ligação selada na infância para tornar duas crianças eternas rivais acabar unindo suas vidas de outras formas jamais cogitadas? Se você quiser saber estas respostas, compre seu ingresso, pois elas só serão encontradas dentro dos domínios do Circo da Noite.

***

Vou ser honesta com vocês, este foi um livro que comprei literalmente pela capa. Ela é linda e misteriosa e eu não consegui resistir. Encontrei o livro em uma mega promoção na internet e ele foi para o carrinho de compras.

O livro é um tanto diferente das histórias que estou acostumada a ler, e ele pode ser bem confuso se você começar a lê-lo sem prestar muita atenção às datas, que encabeçam cada novo capítulo. No começo do livro os capítulos são bastante curtos, e jogam o leitor para frente e para trás no tempo, e como nunca fui muito atenta a datas isso me confundiu no início, até eu entender que realmente precisava prestar atenção nelas.

A narrativa simples, e sem muitos ápices, se intercala contando a história de diferentes personagens que inicialmente não parecem fazer muito sentido, mas cujas participações se tornam importantes em algum ponto da história. E em meio a tudo isso, o desafio se desenvolve, mas não na forma de confrontos diretos, e sim como uma valsa onde os dançarinos competem para saber quem é melhor. Como resultado da disputa, o circo vai se tornando de uma magnitude e beleza inimagináveis, afinal, ele é o palco, mas também o resultado do desafio.

Com a falta de grandes momentos eu acabei arrastando a leitura, pelo menos até a primeira metade do livro, quando as coisas ainda não faziam muito sentido. É apenas na metade final que as histórias individuais começam a se fundir e a tomar forma, e você entende melhor o papel de cada um no grande contexto. A história em si é muito bonita e de grande potencial, mas acredito que a autora poderia ter imposto mais ritmo a ela. Ousaria comparar a obra a “A visita cruel do tempo”,  de Jennifer Egan, cujo trabalho admiro muito, mas costumo chamar esse tipo de livro de “livros obra de arte moderna”, pois você só consegue apreciar sua beleza após reconhecer os elementos, se distanciar e observar o todo. São histórias que nem mesmo o final consegue me causar alguma emoção, mas nem por isso é menos bonito.

O Circo da Noite - Erin Morgenstern
Editora Intrínseca
368 páginas
Comprar: Saraiva



***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA DE MAIO.

Clique AQUI e saiba como participar.

56 comentários

  1. Dany!
    Definitivamente a capa é linda e isso atrai muuuuuitos leitores!
    Eu NUNCA gostei de circo, por isso nunca comprei esse lindo livro.
    Infelizmente não faz meu gênero! A resenha ficou ótima!

    Beijos
    Chrys Audi
    Blog Todas as coisas do meu mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chrys, a capa também me chamou atenção, mas como nunca gostei de circo, acabei fugindo do livro.. hehe também adorei a resenha da Dany :) Beijos

      Excluir
    2. Oi Chrys!! Pois é. Mas o livro não é de todo ruim, no fim achei ele muito bonito, como falei. Mas realmente ele demora pra engrenar. Fico muito feliz que tenhas gostado da resenha =)
      Beijão!!

      Excluir
  2. Hum...
    Nossa Dany que resenha hein... Confesso que nunca me interessei por esse livro,
    ainda hoje não me interesso pelo mesmo. Apesar disso gostei bastante da forma que você usou para expressar suas opiniões. Adorei a resenha, parabéns.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Del, também achei muito interessantes as observações feitas pela Dany. Beijos

      Excluir
    2. Oi Del!
      Que bom que você gostou. Demorei um pouco pra descobrir como resenhar ele, já que o começo é bastante confuso, mas no fim acho que deu pra passar uma idéia do livro. O livro realmente não é do tipo que atrai todo tipo de leitor, ainda mais pelo seu tema, mas o circo não lembra em nada o modelo de circo ao que estamos acostumados, e o circo em si é mais um pano de fundo pra história mesmo.
      Beijoss

      Excluir
  3. Oi, Dany
    A capa desse livro é muito bonita. Confesso que estava curiosa sobre ele.
    Mas depois de ler sua resenha tenho certeza que não vou ler. Não gosto de histórias confusas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Monica, eu até que gosto.. um livro que sei que muitos acharam confusos e eu amei foi A Mulher do viajante no tempo.. a questão toda é ficarmos seduzidos pela história né?! Como eu já nem gosto de circo, preferi passar.. hehe Mas adorei saber a opinião da Dany sobre o livro. Beijos

      Excluir
    2. Oi Monica,
      Então, a capa que me seduziu, mas não me arrependo da leitura. Existe beleza no livro, apesar de toda a confusão. Mas sou uma loirinha desatenta as vezes, o que não ajuda muito também hehehehhe.
      Beijão, flor!

      Excluir
  4. A capa do livro é realmente linda,nunca tinha interessado pelo livro acho que por isso nunca parei pra ver qual a real história mas a sua resenha mostrou um lado do livro que parece interessante mas acho que esse livro ia ser daqueles que iria deixar guardado na estante durante muito tempo até ler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju, é engraçado que fiquei mais interessada pela resenha da Dany do que pelo livro em si. O resumo todo que ela fez ficou tão espetacular que parecia aqueles narradores de livros introduzindo a história.. kkk Beijos

      Excluir
    2. Oi julia,
      Sabe, eu também demorei pra pegar ele, já havia comprado ha mais tempo mas sempre adiava. Comparado à velocidade que costumo devorar os livros, eu demorei um pouco para concluir ele (uma semana) mas na metade final foi bem mais rápido pois as coisas começaram a fazer sentido. É uma dica pra quando a fila de desejados não estiver tão grande :)
      Bejão

      Excluir
  5. Oi! Sempre tive vontade de ler esse livro pelo mesmo motivo que você: a capa. Mas acho que vou deixar pra depois, porque no momento não estou tendo tanto tempo para ler como antes, então estou evitando leituras arrastadas, que possam me fazer demorar mais para ler.
    Beijos,

    Letícia
    http://www.odomdaescrita.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leti, compreendo. Nesses casos sempre temos que eleger nossas prioridades de leitura. Beijos

      Excluir
    2. Oi Le,
      É, Dany devoradora de livros alerta: leitura lenta. heheheh
      Mas como ele tem estado baratinhos nos sites, é uma dica legal de livro de cabeceira pra quando a fila diminuir.

      Excluir
  6. Essa capa e apaixonante, da vontade de ler o livro pela capa somente *--*
    Mais...a sinopse eu não gostei.. :(
    Não sei talvez daqui um tempo, não sei, acho que não tenho vontade de ler esse livro não *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, realmente, tem tantos livros por aí que me apaixono só pela capa.. não adianta, o ser humano responde muito ao estímulo visual.. kkk Beijos

      Excluir
    2. Mirelle, esse capista decididamente merece um prêmio! E todo o material gráfico de divulgação dele é belíssimo!
      Beijos!!

      Excluir
  7. Eu sou muito curiosa em relação a esse livro, apesar da sua descrição de que ele fica indo e vindo e confunde o leitor, a sinopse dele me parece bem interessante e desperta a minha curiosidade.
    Quero sim lê-lo.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris, fico feliz em saber que você tenha curiosidade. Tomara que goste da história. Beijos

      Excluir
    2. Oi Kris! Que bom, ele realmente tem coisas lindas, apesar de demorar pra engrenar. Eu coleciono fotos de quotes dos livros que leio, e esse rendeu várias! Acho que o final poderia ser mais grandioso, mas igual o livro é bonito..
      Beijão!

      Excluir
  8. Eu li esse livro. Também comprei pela capa e toda a diagramação é linda.
    Mas é como você disse: achei arrastado a narrativa e as historias fazem mais sentido muito para o final.
    Isso me irritou bastante. Não curti muito.
    triplobooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena Mari, pelo visto este não foi um livro que agradou a todos. Beijos

      Excluir
    2. Mari, obrigada por não me deixar sozinha! auuhauah Eu sempre fico com receio de ter tido a impressão errada, mas não fui a única então. Obrigada por dividir com a gente o que achou. Beijão!

      Excluir
  9. Também tenho esse livro, e comprei mega barato também, mas comprei porque ouvi muita gente falando super bem sobre ele, então estou com expectativas bem altas para essa leitura, espero não me decepcionar!

    Beijão :*

    http://justonemomentt.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ih Maiah, as altas expectativas costumam ser nossas inimigas. Tomara que você goste. Beijos

      Excluir
    2. Vou ficar torcendo, Maiah! Beijão!

      Excluir
  10. Oi Dany..
    Eu não tinha visto ainda uma resenha tão bem detalhada como esta. Gostei da sua descrição sobre o livro e me interessei pela história.
    As vezes também compro o livro pela capa..rs
    Ah e é normal a história se embaralhar no começo, isso acontece muitas vezes! Em alguns casos fica confuso quase até o final..rs Ai é ruim né..

    beijos
    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leti, a resenha da Dany ficou mesma perfeita.. amei demais tudo o que ela contou do livro.. se fosse ela escrevendo a história acho que até lia.. kkkk Beijos

      Excluir
    2. Que bom que você gostou da resenha, linda! A história é bastante delicada e bonita, mas bem parada, não é do tipo que agrada a todos. E essa monotonia somada á confusão acaba arrastando muito o livro. E Mi, acho que vou reescrevê-lo com mais ação! hehehehhee
      Beijão!

      Excluir
  11. Oi, Dany!

    Já tive tantas oportunidades de comprar "O Circo da Noite", mas sou tão inseguro... as resenhas que leio não me enchem os olhos, e não sou muito fã de narrativa simples. Para mim, quanto mais complexo, melhor!

    Beijos,
    Gabe
    http://sixdoe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabe, o que você quer dizer com narrativa simples ou complexa? Fiquei curiosa. Você poderia dar exemplos de livros dessas categorias? Beijos

      Excluir
    2. Oi Gabe,
      Então, também fiquei um pouco confusa com o que seria a narrativa complexa.
      Beijos!

      Excluir
  12. Eu sempre quis comprar esse livro também por causa da capa! hahaha
    Adorei a resenha. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Xará! =) Fico feliz. E não to dizendo que esse capista é milagreiro? heheheh
      Se um dia eu escrever um livro, vou chamar o responsável por essa capa, sem dúvidas rssss
      Beijão!

      Excluir
  13. Também achei linda a capa desse livro.
    Adorei a sua resenha e foi boa também a sua dica sobre o começo do livro (caso eu venha a ler), eu também as vezes sou meio distraida... rsrs

    Bjok

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou super distraída, Raquel! huauahu Acho que se vocês prestarem mais atenção que eu podem se "achar" na história mais cedo. :)
      Beijão!!

      Excluir
  14. Dany, eu recebi esse exemplar da Intrínseca na época do seu lançamento. Tentei, tentei e tentei ler, mas infelizmente, mesmo terminando, não consegui gostar muito dele. É bem longe do tipo de livro que me interessa sempre. Achei um tanto quanto monótono e, já que como você, eu não presto atenção em datas, me senti perdida em várias partes do livro.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Ba, assim que comecei achei q tinha feito uma péssima escolha.. alias, fiquei um tempão pensando isso.. mas sou uma pessoa um pouco estranha, tendo a ver beleza em tudo rssss.. a leitura demorou, mas depois que terminei, vendo o todo achei a história bonita, mas realmente não é um livro que agrada a todos. Beijão, flor!

      Excluir
  15. Ai, meninas! Após ler os comentários de vocês,coloquei o livro em último lugar na meta de leitura de 2014. Rs! Mas, de fato a capa é linda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. auhahua Isso foi engraçado. Tadinho, a essa altura dos comentários já estou com peninha do livro.. kkkkkkk Ele é fofo, gente.. rsss
      Beijão!!

      Excluir
  16. Essa capa me ganhava facilmente. Pena que a premissa não me cativou. Não sei, não acho que seria uma leitura agradável. Então, prefiro não me arriscar. Mas, você colocou todos os seus pontos em uma resenha muito boa, parabéns! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Que bom que gostou da resenha. Realmente o objetivo foi não enganar ninguém, já que de forma geral gostei do livro mas ele realmente não é do tipo que agrada a todos principalmente pelo ritmo dele. Mas não que ele seja ruim, só é um pouco diferente dos livros mais cotados atualmente.
      Abração!

      Excluir
  17. Oi Dany, tudo bem?
    Eu ainda não tinha ouvido falar desse livro, eu não sei se gosto de circo ou não, nunca fui em um, o livro parece ser bem legal, mas não é algo que me deixou super empolgada para ler, quem sabe um dia não é mesmo, vou procurar ir em um circo antes para ver o que acho hahahahaha.
    Beijos e a resenha esta ótima *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila!
      Bom, nesse caso, não tome o circo do livro como base, pois ele é diferente de qualquer circo que você possa imaginar e é realmente fantástico. Confesso que adoraria ir a um circo como o do livro. Quem sabe um dia.. :)
      Beijão!!

      Excluir
  18. Oi Dany, realmente a capa é muito linda e chama bastante atenção. Mas a história em si, não muito.
    Também não presto muita atenção em datas, então com certeza ia me perder completamente lendo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah como nós desatentos sofremos com essas coisas. Acho que todo livro deveria vir com um aviso na frente: "Preste atenção nas datas para não se perder" rssssss Pra mim seria bem útil um reminder desses.
      Beijão!!

      Excluir
  19. Dany comprei o livro pelo mesmo motivo que você, essa capa linda <3
    Eu não gosto muito de livros onde preciso prestar atenção nas datas.. isso me confunde tambem! To passando um perrengue com Ilumidadas por causa disso hahaha
    Eu nao estava muito animada com o livro, e sua resenha me desanimou mais um pouco. Mas ainda sim vou mante-lo lá para ler assim que surgir uma chance =)

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todo o mundo compro esse pela capa! haahuuah Mas não é ruim não, Dreeh, só diferente. ;)
      beijão!

      Excluir
  20. A capa é realmente muito bonita mesmo. Só não compraria pela capa, porquê não tenho esse impulso (graças a Deus. kkkkkkk). Confesso que também tenho um probleminha com datas, e isso pode me atrapalhar bastante nas leituras, principalmente quando os autores começam a nos jogar pra frente e pra trás. Me parece ser uma leitura um pouco confusa, mas, se o leitor prestar bastante atenção, pode extrair o melhor do livro. Não sei se essa trama me causaria uma boa impressão, pois sou bastante disperso.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nardônio, ele é um pouco difícil de acompanhar mesmo, principalmente por se tratar de muitos personagens diferentes e em épocas diferentes. Demorei um pouco pra formar em minha cabeça um mapa do tempo com cada personagem em seu lugar. Isso dificulta um pouco mas também mantém o mistério do livro.
      Beijão!

      Excluir
  21. Oi Dany! Esse livro tem uma edição tão linda <3 Eu quis comprá-lo dezenas de vezes só por causa disso mas não sou fã de circos e mesmo com os preços baixos acabei nunca comprando. Com o começo da resenha fiquei empolgada mas depois desanimei, livros com narrativas arrastadas pra mim agora não estão funcionando, vou acabar abandonando então melhor deixar passar. Li Água para elefantes com o circo como plano de fundo, e até que gostei bastante então taaaaalvez um dia eu dê uma chance.

    Beijos, Greice.
    diariodaalvorada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amiga, aconteceu o mesmo comigo. Resolvi deixar ele para outra hora já que na verdade eu tenho pavor de circos.. hehe Beijos

      Excluir
    2. Mas que gente preconceituosa com circos! uahuhauhau Circos são fofos, gente... rssss Sabe o que acontece, quando falamos "circo" já logo imaginamos esses circos itinerantes meio capengas que eventualmente param em nossas cidades. Digamos que o "Circo da noite" relate um circo mais no estilo Cirque du Soleil, com ainda mais magia por trás. Soou melhor agora? ;)
      Beijokas!

      Excluir
    3. Ih Dany, a mim não ajudou não.. kkk já fui numa apresentação do Circo de Soleil e ainda assim não gostei :P kkkk Beijos

      Excluir