Semana A Seleção - Conheçam Kiera Cass - Dia 1

Semana Especial A Seleção Kiera Cass
E aí pessoal, vocês estão preparados para mais uma Semana Especial aqui no Blog? Estavam sentindo falta? Como comentei no Top Comentarista do Mês, eu estava planejando fazer uma Semana Especial sobre a trilogia de A Seleção, aproveitando o lançamento do livro Contos da Seleção: O Príncipe & O Guarda, e a proximidade do lançamento de A Escolha.

Antes de mais nada, gostaria de avisar que serão sete dias dedicados aos livros de A Seleção, com posts exclusivíssimos. Tenho certeza de que os fãs irão amar e, para quem ainda não leu os livros, será uma bela oportunidade para se apaixonar por estas obras.

Então, nada melhor do que começar essa semana conhecendo um pouco mais sobre a autora que arrebatou o coração de muitos leitores: Kiera Cass.

Kiera Cass
"Kiera Cass nasceu e foi criada na Carolina do Sul, uma criança orgulhosa de ter nascido na década de 80. Seu pai é porto-riquenho e sua mãe é caucasiana. Ela não tem nem sotaque latino-americano ou do sul. Sem pista do porquê. Sempre foi meio estranha. Não entendia nada de moda e nunca ficou por dentro das tendências, apesar de ter sido uma menina popular. Mas ela nunca se importou muito porque teve grandes amigos e ótimas lojas para frequentar. Na escola, foi uma dançarina experiente, uma obstinada fã de teatro e ficou em terceiro lugar na competição nacional de coro.

Seu maior sonho era fazer teatro depois de se formar no ensino médio. Ela queria ser atriz de qualquer jeito. Ela cursou um semestre fora, apresentou-se em diversos shows locais, promovidos pelo acampamento de teatro, e foi para a Universidade de Coastal Carolina, durante a primavera, para se graduar em Teatro Musical.

Depois de cometer um enorme erro e praticamente seguir um menino para uma outra Universidade e Estado, Kiera acabou indo parar na Universidade Radford e trocou seu curso de Teatro por Música. Depois por Comunicação. Então por História. Depois de um ano na faculdade, ela trancou seu curso de teatro, apesar de ainda gostar de se apresentar, e decidiu que o que ela realmente gostava de fazer era participar da equipe da igreja do campus e ajudar os outros alunos. Acabou levando adiante o seu curso de história e formou-se em tempo, mesmo tendo trocado tantas vezes de área.

Em seguida, todos os seus planos foram por água abaixo logo depois de conhecer um cara que continuava rejeitando, mas que não largava do seu pé. De alguma forma, este sujeito acabou convencendo-a a se mudar para Blacksburg, se casar com ele e ter filhos. Ela ainda não sabe como ele fez isso, mas parabeniza o Sr. Cass pelo feito. Depois disso, seus objetivos foram alterados. Tudo que Kiera queria era ser uma boa dona de casa e ficar em casa cuidando dos seus futuros filhos.

Em 2007, seu mundo foi abalado por uma tragédia local, algo difícil de superar. Ao longo do ano seguinte, Kiera tentou fazer várias coisas para se recompor. Com isso, acabou sentando e escrevendo uma história em que a sua personagem tinha que lidar com seus problemas para que ela não precisasse encará-los. Este distanciamento proporcionado pela fantasia fez com que Kiera enfrentasse a realidade e conseguisse lidar melhor com todas as coisas que estava sentindo. Ela acabou não terminando esta história porque um dia acordou de um cochilo com uma ideia na cabeça que futuramente se tornaria The Siren e sabia que precisava escrever este livro. A partir de então, acabou pegando o gosto e o hábito pela escrita e muitas ideias acabaram surgindo, incluindo A Seleção, dentre outras tantas que ela ainda está esperando a hora certa para escrever.

Assim que começou a escrever, se sentiu como uma idiota. Como ela nunca havia percebido essa sua paixão? Afinal, dançar, cantar, atuar, estudar história.. eram formas de se contar uma história. E ela amava isso.

Em 2009, Kiera publicou de maneira independente The Siren (enquanto estava grávida de cinco meses) e, apesar de não ter feito muito sucesso, ficou feliz por presentear seus poucos seguidores com essa história. O apoio deles foi o que fez com que ela continuasse e tentasse escrever e compartilhar suas histórias com outras pessoas.

No início de 2010 (quando seu filho tinha apenas dois meses de idade), Kiera começou a procurar consultoria para A Seleção e teve a sorte de encontrar uma agente maravilhosa em Elana Roth. Às vezes ela ainda não consegue acreditar que sua agente deu uma chance a ela. Depois de alguns meses, Erica Sussman, da HarperTeen, se interessou por A Seleção, que foi lançado na primavera de 2012 (enquanto Kiera estava grávida de seis meses da sua filha). Agora, Kiera Cass é a autora best-seller número 1 do New York Times, e está muito feliz em compartilhar as suas histórias com o mundo.
Atualmente, vive em Christiansburg, Virgínia, com o seu marido e dois filhos e passa o tempo livre navegando no YouTube e no Twitter e comendo bolo." Fonte. Tradução livre feita por mim, peço desculpas por algum eventual erro.

Adoro conhecer um pouco mais sobre os meus ídolos. Acho tão legal saber sobre suas trajetórias de vida e pensar que todos podem alcançar o sucesso. Achei o máximo saber que Kiera trocou tantas vezes de faculdade e que por um momento na vida não sabia ao certo o que fazer, só sabia que possuía uma paixão secreta envolvendo o ato de contar histórias, até descobrir o seu lugar no mundo. Me identifiquei demais com a história dela e torço muito para que algo parecido aconteça comigo. Mas no fundo sei que só depende de mim e da minha coragem em ir atrás dos meus sonhos.

Que bom que Kiera encontrou boas pessoas em seu caminho, que acreditou em seu potencial e seu profissionalismo e apostou em suas histórias, caso contrário, não teríamos sido brindados com tantos livros apaixonantes escritos por ela. E que assim continue!

Fiquem de olho em mais postagens especiais sobre A Seleção.

Espero que tenham gostado.

Beijos, Mi

*** 
 Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA DE FEVEREIRO.

Clique AQUI e saiba como participar.

58 comentários

  1. Aii começou a semana especial <3
    Além do que está escrito na orelha dos livros dela eu nunca li nada a mais sobre a Kiera e fiquei encantada com a história dela. Que coisa essa de trocar tantas vezes de faculdade, mas que bom que ela finalmente encontrou o caminho e agora é uma das nossas autoras favoritas. Adorei saber mais sobre a autora, obrigada por proporcionar isso amiga =D
    Ansiosa pelos próximos 6 dias hehe

    Beijos, Greice.
    diariodaalvorada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adorei saber um pouco mais sobre ela e ver que eu não sou tão doida assim por querer mudar de profissão tantas vezes.. kk Beijos

      Excluir
  2. Kiera é uma autora incrível, além de ser super atenciosa com os leitores. Gosto muito da simpatia dela.
    http://exceptionss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queria muito tê-la conhecido pessoalmente. Quem sabe um dia?! Beijos

      Excluir
  3. Eba!!! Uma semana todinha de Kiera Cass e seus personagens absolutamente brilhantes...Acho que a saga "A Seleção" foi a que mais me envolveu nesses últimos meses. Já tinha ouvido falar sobre a história da Kiera e também já conhecia a fama de "fofura" do Sr.Cass. Mas sempre gosto de ver como essa mulher nº1 em vendas do New York Times também já tomou decisões erradas e já se questionou sobre o que realmente queria. Acho que isso a aproxima muito mais de nós. Engraçado que não sabia dessa experiência dela na igreja. Eu sei que a Seleção foi em parte inspirada na narrativa bíblica de Ester...Será que uma coisa puxou a outra? Agora, fiquei curiosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aliás, esqueci de dizer uma coisinha: só eu acho uma fofura o jeito como ela fala do marido? Acho que ele fica todo orgulhoso de ter uma mulher assim. *-*

      Excluir
    2. Legal saber que as pessoas não são perfeitas e que podem se perder ao longo do caminho, mas que, por algum motivo, conseguem se reconectar com a sua essência. Adorooo! Sempre serve de inspiração para mim.. hehe É muito legal o amor que ela tem pelo marido sim e o fato de que todos os personagens masculinos de certa forma retratam diferentes aspectos dele. Beijos

      Excluir
  4. Eu ainda lerei os livros dela... basta lançarem o terceiro livro para eu comprar de vez.
    triplobooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari, sei de muitos que tem preferido fazer isso. Boa leitura. Beijos

      Excluir
  5. Oi Mi.
    Que história hein?!
    Adorei saber um pouco mais sobre Kiera Cass. Acho muito bonito quando um autor, ator, ou até mesmo " pessoas comuns" como nós, enfrentam dificuldades no começo de um projeto e depois tudo tende a se encaixar como deve ser! E melhor ainda é quando no meio do caminho surge alguém que acredita no potencial e talento que a pessoa possui!
    Belo post! E que venha com tudo essa Semana Especial!
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, também gosto. Histórias como essas me inspiram demais e me dão forças para continuar perseguindo os meus sonhos. Beijos

      Excluir
  6. E nós agradecemos por ela ter decoberto sua paixão pela escrita!
    Essa semana vai ser show!

    ResponderExcluir
  7. Adorei!
    Não conhecia toda a história da autora, mas ela é uma fofa no Facebook '-'
    Ainda bem que ela descobriu essa paixão pela escrita, graças a isso tenho uma das melhores distopias por aqui, hehe.

    Beijos,
    http://www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem.. senão, o que seria da gente sem Kiera Cass né?! hehe Beijos

      Excluir
  8. Que história bacana!!
    Muito legal conhecer a história da Kiara e ver que a autora de um dos meus livros preferidos tem uma história parecida com a minha. Não entendia nada de moda, fazia teatro, mudou de curso algumas vezes... hahaha
    E não acredito que ela já tenha dois filhos, ela tem cara de ser tão nova!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Re, quando descobri também fiquei chocada.. não imaginava que ela já fosse mãe. E os filhos dela são lindos! Beijos

      Excluir
  9. Adorei a novidade! Nunca li esses livros mas me interessei bastante por eles, pois muitos falam muito bem deles! Alias, que autora maravilhosa, bela história de vida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li a série, mas estou louca pra ler depois de algumas resenhas que vi sobre os dois primeiros livros, só que acho que vou esperar primeiro o lançamento do terceiro livro para investir nessa trilogia!

    Beijos :*

    http://justonemomentt.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando chegar a hora, te desejo boa leitura. Beijos

      Excluir
  11. O perfil da autora sempre foi de artista... hehe.
    Fiquei curiosa para saber qual foi sua tragédia... e saber mais dos romances.
    Eu leria sua biografia, com certeza...
    Adoreiii conhecer um pouco da Kiera.
    Não li seus livros ainda, mas espero ler em breve.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, é impossível fugir disso né?! hehe Beijos

      Excluir
  12. Oi Mi,
    Amei conhecer um pouco da Kiera, eu realmente não sabia que ela batalhou e batalha muito para ocupar o lugar que está hoje.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Lari, é bom ver pessoas esforçadas como ela fazendo sucesso mais do que merecido por aí. Beijos

      Excluir
  13. Que legal. Parabéns pela sua ideia. Virei fã da autora e espero que ela não me decepcione com o final. Ainda não conhecia nada dela, muito boa a sua postagem.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  14. Ainda não li nada da autora, embora queira muito ler A Seleção. Eu também gosto de conhecer mais o autor do livro. Pelo visto, a vida dela foi bem agitada, com muitos altos e baixos. Me senti até mais próxima da autora.
    Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Jardani. É legal ver que eles são tão humanos quanto nós. Beijos

      Excluir
  15. obaa! minha semaninha preferida <3 hahaha a trilogia A Seleção tá sendo minha queridinha do momento rs E ainda bem que a Kiera descobriu sua paixão por escrever.. ela é uma fofa *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Nati, nós é que saímos ganhando.. hehe Beijos

      Excluir
  16. Amei o Post, Mi.
    Eu não sabia que a Kiera já havia publicado outras obras, imagina a minha cara quando descobri isso kkkk
    Ela trocou de curso um bucado de vezes, e eu to aqui em duvidas sobre o que quero me formar. É tão difícil descobrir minha vocação...
    É muito bom conhecermos os nossos autores favoritos, saber as inspirações de suas obras e tudo mais.
    A semana A Seleção começou incrível. AMEI.
    Bjokas
    nerdworldofgirl.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Karol, para você ter uma ideia, já tenho quase 30 anos e ainda não sei direito o que quero fazer. Num mundo de tantas possibilidades como o de hoje, a gente sofre mesmo. Beijos

      Excluir
  17. Muito legal essa semana dedicada a trilogia, eu ainda não li mas quero muuuuito ler e vou aproveitar essa oportunidade para conhecer mais sobre os livros e conseguir enlouquecer mais ainda por eles hehehe
    Gostei muito de saber da história da Kiera Cass ^^


    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal Jana. Então divirta-se. Beijos

      Excluir
  18. Que demais uma semana dedicada a trilogia! Ainda não li nenhum dos livros, mas sempre vejo muita gente elogiando e parecem ser ótimos, o enredo é bem interessante, espero ler em breve também! :)
    beijos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fique de olho então que você vai adorar conhecer um pouco mais sobre esta trilogia. Beijos

      Excluir
  19. Tenho A Seleção, mas ainda não li. Costumo ler uma serie só qdo tenho todos os livros. Morro de ansiedade pela espera dos lançamentos e tals. Movimentada a vida de dona Kiera, hem???!!! Legal conhecer melhor a autora. Espero ter logo todos os livros para poder me deliciar com a leitura. Bjksss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você goste de todos! hehe Beijos

      Excluir
  20. A Kiera é uma pessoa muito simpática e extrovertida. Eu espero que ela dê outro pulinho ao Brasil em breve, porque eu preciso do autógrafo dessa mulher.
    É sempre bom saber mais sobre os autores que gostamos.
    Beijo, Cris :)

    ResponderExcluir
  21. Nossa, que história incrível, dá até para fazer um filme com a história dela né! Não li nada da Kiera ainda, mas tenho muita vontade de ler Seleção. Super bacana a persistência dela que embora tenha trocado tantas vezes de curso, ainda conseguiu se formar e descobrir o que realmente a deixava feliz.

    Beijos, Glaucia.
    http://www.maisquelivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Glaucia, seria interessante. Espero que goste desta semana. Beijos

      Excluir
  22. É tão bom quando nos identificamos com alguém, principalmente um ídolo, e percebemos que não somos as únicas pessoas com um problema ou dúvida.
    Não são todas as pessoas que sabem desde sempre o que querem fazer pelo resto da vida! Kiera teve essa dificuldade, mas foi muito recompensada no final! Seu sucesso é a evidencia de que ela encontrou o seu caminho =)
    Espero chegar lá também rsrs

    Beeijos, Dreeh.
    Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Dreeh, adoro quando isso acontece. Tenha fé que você irá conseguir também. Beijos

      Excluir
  23. Ai menina, eu já estou hiper ansiosa para ler os livros e você faz isso, uma semana especial, só para me deixar mais ansiosa ainda. A Kiera é a maior fofa desse mundo e verdade ainda bem que teve gente que acreditou no talento dela, assim temos esses livros maravilhosos para ler, olha só eu, falando que os livros são maravilhosos antes mesmo de ler, mas são né Mi.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkk agora ferrou Camila.. você não vai conseguir resistir.. kkk Beijos

      Excluir
  24. Particularmente adoro essas semanas especiais. Achei essa sua escolha um máximo. Ainda não tive oportunidade de ler a trilogia, mas tenho muita vontade.
    Gostei de você ter iniciado falando um pouco sobre a autora. A vida dela antes do lançamento de "A Seleção" foi uma bagunça sem tamanho, hein?!?! kkkkkk Ainda bem que já entrou nos eixos. Mas essa lição de não desistirmos dos nossos sonhos é importante mesmo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, eu também amo as Semanas Especiais, mas sou suspeita para falar.. kkkk Beijos

      Excluir
  25. Oi Mi, tudo bom?
    Estou lendo A Seleção, mas ainda estou bem no início. Bom demais conhecer um pouco mais sobre autores que escrevem histórias tão boas. Acho que na vida as coisas são construídas aos poucos e que o sucesso da Kiera permaneça por muitos anos.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal saber Aline. Então divirta-se com essa história maravilhosa! Beijos

      Excluir
  26. Olá Mi!! Parabéns pela ideia destes posts, impossível não amar poder conhecer coisas diferentes, não só os livros, mas como a ficha completa desta talentosa escritora!! Ainda não li a trilogia, então já amei poder ler sobre a escritora, e estou ansiosa para ler as próximas postagens!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Miche, essa é a intenção, mergulharmos nesse universo distópico maravilhoso! Divirta-se. Beijos

      Excluir
  27. Eu sou totalmente vidrado em distopias, mas não levei muita fé antes de começar a ler. Depois da leitura, descobri que a Kiera é um ser genial. A trilogia é uma das minhas distopias favoritas.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, eu também.. e assim como você, torcia o nariz antes de conhecer as histórias.. sei lá, não levava fé.. mas depois, céus! Viciei.. hehe Beijos

      Excluir
  28. Ótima história. Pelo visto ela é uma autora incrível.
    Mas eu não sei se leria esses livros dela. Quem sabe..
    Bjs..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim Igor, as histórias dela nos prendem de maneira surpreendente. Beijos

      Excluir
  29. Amo a Tia Kiera, tenho todos os livros que lançaram até agora <3 Muito legal vc fazer sobre ela <3 (Participante da promoção TEMPORADA DE ACIDENTES)

    ResponderExcluir