Resenha - Simplesmente Ana

Resenha Simplesmente Ana Marina Carvalho
O que vocês fariam se descobrissem que suas vidas não passam de uma mentira? Que tudo no qual sempre acreditaram nunca existiu?

Conheçam Ana, uma jovem brasileira de 20 anos, estudante de Direito da PUC, que vive apenas com a mãe num apartamento em Belo Horizonte. Ana leva uma vida comum, dividindo seu tempo entre a faculdade, o estágio, as baladas com a melhor amiga e um flerte com um gatinho chamado Artur.

Até que sua vida vira de pernas para o ar por causa de uma mensagem recebida no Facebook, aparentemente do seu pai. Ana leva um tremendo de um choque, afinal, de acordo com sua mãe, seu pai tinha sumido no mundo assim que descobriu que Olívia estava grávida. Mas.. parece que as coisas não aconteceram bem assim. E, para agravar a situação, Andrej, pai de Ana, é nada mais nada menos do que Rei de Krósvia, um pequeno país Europeu.

Portanto, de uma hora para outra, Ana se vê dentro do olho do furacão, forçada a encarar uma nova realidade acerca da sua história. Ana Carina Bernardes Markov é uma Princesa, e as implicações disso vão além de assumir a liderança e a herança de um país que, até então, ela nunca havia ouvido falar. 

Depois de muito ponderar, Ana aceita passar uma temporada em Krósvia, para conhecer sua outra família e o seu reino. É a oportunidade perfeita para passar um tempo com seu pai e tirar o atraso de tantos anos de afastamento, se ele não fosse assim tão ocupado. Tudo vai bem, até Ana conhecer Alex, enteado de Andrej

Alex de imediato trata Ana como uma impostora e aproveitadora, sendo rude a todo momento em que ambos encontram-se sozinhos. Mas Alex é um jovem dotado de uma beleza hipnótica e, dia após dia, vai mexendo com os nervos e hormônios de Ana.

Porém, Alex é comprometido, além de ser seu meio-irmão, e não tem jeito de ambos ficarem juntos, até porque, aparentemente ele a detesta. Mas o amor é um sentimento misterioso e difícil de dominar, e colocará Ana em provação pela primeira vez na vida.

Será que Ana estará pronta para abdicar da sua vida, da sua intimidade, do seu país e da sua família em prol de um povo que ela nem conhece? Quais serão os desafios que Ana terá que enfrentar rumo ao amadurecimento e a autodescoberta? Leiam e descubram.

***

Simplesmente Ana foi uma leitura agradabilíssima. Desde que li Ela é uma Fera, também da Marina Carvalho, percebi o quanto a escrita da autora me é cativante. A história é tremendamente fofa, se puder resumir em uma só palavra. Ana é uma personagem encantadora e é divertidíssimo acompanhar seus dilemas desde a descoberta da sua origem, até os arranca-rabos com Alex.

E o que falar de Alex? Ele é o estereótipo do meu tipo de personagem masculino preferido, cheio de personalidade e caráter, pulso filme, másculo e lindo, naturalmente.. kkk Quando comecei a ler Simplesmente Ana não sabia muito o que esperar, mas achei que fosse envolver romance do início ao fim. Fiquei espantada ao perceber que as coisas entre Ana e Alex não se ajeitam logo de cara, mas acho que foi bom, porque a história acabou não se focando só nisso.

O livro fala muito sobre relacionamentos familiares, autoconhecimento e aceitação própria. Marina nos mostra, através das confusões e indecisões de Ana, que é impossível nos definirmos pela metade, muito menos, deixarmos um pedaço de nosso passado para trás, pois, para seguir em frente, é preciso saldarmos as nossas dívidas.

Apesar da história conter um misto de conto de fadas que faz certamente as meninas suspirarem, não deixa de ser uma trama muito atual. A Marina consegue misturar divinamente os elementos de uma fábula com a nossa realidade, ao inserir no contexto não só um linguajar jovem e coloquial, como também fazendo uso de elementos que nos são comuns no cotidiano, como por exemplo, a internet e o celular.

A obra é narrada em primeira pessoa, por Ana, de uma forma super intimista, nos dando a impressão de que ela está falando conosco o tempo inteiro. Eu, particularmente, tenho paixão por este tipo de narrativa, pois acho mais fácil nos conectarmos com a história e com a protagonista. Outro aspecto que me agradou e muito no livro foi o fato da autora inovar em sua escrita, não se preocupando muito com as convenções de uma narrativa tradicional. Exemplos disso são os diálogos travados pelos personagens e narrados pelo ponto de vista de Ana, ou as letras de música de Bon Jovi e Jota Quest inseridos na história, ou então os emails trocados pelos personagens.

Mas os pontos positivos não param por aí. Marina conseguiu criar um texto tremendamente brasileiro sem ser exagerado. Ela nos ambienta perfeitamente na cultura mineira, explorando sua culinária, bem como os pontos turísticos de forma muito natural. Mas, também não esquece nossas influências estrangeiras, como músicas e até a própria língua inglesa, que a família de Ana domina perfeitamente.

A única coisa da qual senti falta foi ver a Ana agindo mais como princesa, e não só como "simplesmente Ana". Acho que poderia ter sido explorado uma parte mais política e social a respeito do novo reino e de como Ana se encaixaria em suas novas atribuições e responsabilidades. Mas, falando com Marina a respeito, ela me esclareceu que isso será suprido no segundo livro. Mal posso esperar, pois acredito que Ana tenha um grande potencial para liderar seu país e torço pelo seu sucesso.

Simplesmente Ana é uma história doce e divertida, que irá arrancar suspiros e boas risadas de vocês. Perfeita para quem ainda acredita em contos de fadas e para quem espera pelo seu eterno Príncipe Encantado. Super recomendado.

Simplesmente Ana - Marina Carvalho
Livro 01
Editora Novo Conceito
304 páginas
Comprar: Saraiva

23 comentários

  1. Adorei, Mi!!
    Fiquei toda boba aqui. :-*)
    Obrigada pelas palavras de incentivo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada querida, o prazer foi meu! Beijos

      Excluir
  2. Já faz algum tempo que quero ler esse livro,mas ainda não consegui ganhar, ops comprar hehehhehe. O enredo lembra muito a história da princesa Mia. Espero gostar tanto quanto.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, não saberia te traçar esse comparativo porque não conheço a história da Mia, mas espero que você goste de Simplesmente Ana. Beijos

      Excluir
  3. Oi Mi! Que bom que gostou, este foi um livro que não deu certo comigo, não gostei da protagonista, fiquei chateada com algumas abordagens da autora e outros detalhes, uma pena mesmo, mas vi aqui que para você foi uma leitura bem gostosa e foi legal saber seu ponto de vista.Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai jura? Que pena Cida, mas infelizmente isto às vezes acontece.. hehe Beijos

      Excluir
  4. A MI GANHOU UM COMENTÁRIO DA MARINA CARVALHO...LALALALÁ!

    Puxa, eu gostei bastante da história e estou com muitas expectativas para a continuação. Só não curti muito algumas coisinhas (que, aliás, já foram criticadas na blogosfera). Primeiro que o namoro do Alex com a Laika se arrasta quase pelo livro inteiro por uma explicação que ninguém sabe qual é. Sério. Ele já vem com a menina há dois anos, flerta com a outra descaradamente, não ata nem desata e o livro jamais explica porque a criatura demora tanto para tomar uma decisão. Achei essa parte mal trabalhada e não gostei do Alex nesse sentido. Outra coisa que também não aprovei foi o comportamento da Ana em alguns momentos com a Laika. Achava aquele "Nome de Cachorro" tão infantil! Vi muita gente incomodada com essas coisas, mas achei a Marina ótima e o livro é muito fofinho. Gostei. Pena que ainda não li "Ela é uma fera". :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk viu só que chique eu tô?! kkk

      Poxa, que pena que estes detalhes te incomodaram.. na verdade a mim não.. até achei a situação bem real, talvez por ter me identificado sabe?! Por exemplo, a situação da Laika e do Alex.. já passei por isso e muitas vezes acabamos por ficar com uma pessoa apenas por ficar.. o relacionamento se enrola, as coisas passam a não ser como antes, mas também nada de fato acontece para que se acabe sabe..

      E quanto as infantilidades da Ana em relação a Laika, morri rindo, porque na idade dela eu era igual.. aliás, acho que fui assim até os vinte e poucos anos.. tinha uma amiga do Junior que eu odiava e ficava na mesma onda dos apelidos e dos desdéns.. kkk

      Mas, o que funciona para alguns não funciona para todos né?! Sei bem, porque isso vive acontecendo comigo.. de eu curtir um livro mas criar implicância com alguma parte da história.. kkk

      Ela é uma fera é um texto bem teen, bem simples e fácil de ler.. acho que indicaria principalmente para àqueles que estão começando tomarem gosto pela leitura.

      Beijos

      Excluir
  5. Oi Mi,
    tudo bem?
    acabei de ler uma resenha desse livro em outro blog. Como eu disse por lá, a capa é linda. Conheci a autora na Bienal, ela é uma fofa!!!
    Eu gosto muito dessas histórias de conto de fadas, princesas, quem não gosta? Tudo bem, o livro está tendo algumas críticas, mesmo assim, eu quero muito ler!!! Que bom saber que teremos uma continuação!!!
    Gostei muito da sua resenha.
    beijinhos.
    Cila- leitora Voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila, queria muito ter conhecido a Marina, mas no dia em que fui na Bienal ela não estava, uma pena. Bom, todos os livros têm sempre críticas positivas e negativas né, vai do gosto de cada um. Espero que você também curta a história da Ana. Estou ansiosa pela continuação. Beijos

      Excluir
  6. Faz tempo que tenho vontade de ler esse livro, adoro contos de fadas então tenho certeza que vou amar a história da Ana ♥
    Adorei a resenha ;)

    Beijos
    http://www.culturaliteraria.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você curte, leia o quanto antes, vale a pena, além de que acho fundamental prestigiarmos a literatura nacional. Beijos

      Excluir
  7. Amo esse livro, a Marina escreve super bem, mal posso esperar por Simplesmente Ana 2 e os próximos lançamentos dela pela editora :)

    Beijos,
    http://www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A escrita da Marina é realmente uma delícia. Super jovem e fluída. Também não vejo a hora de conferir os outros livros dela. Beijos

      Excluir
  8. Que fofa sua resenha Mi!!!!!
    A parte do másculo e lindo, naturalmente, foi tudoooooooo!!!!! Também adoro!!!
    Essa capa é maravilhosa e a história parece encantadora, e o que esperar de um conto de fadas? Pq esse bem que parece um!
    Amei!!

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lelê.. não adianta, não tem nada melhor do que suspirarmos por personagens masculinos né?! kkkk Sim, a história é um conto de fadas moderno. Espero que goste. Beijos

      Excluir
  9. Mi que resenha fofa! Saudades desse tipo de livro, me lembrou e deixou com vontade de reler Como se livrar de um vampiro apaixonado hehe Apesar de que nada de sobrenatural acontece em Simplesmente Ana. A narrativa da Marina parece ser muito gostosa e desde quando foi anunciado o livro tenho vontade de lê-lo. Tomara que até o lançamento do segundo eu consiga. A Marina foi agraciada com essa capa MARAVILHOSA de linda! Parece a Kristin ali hehe Enfim quero muito ler e conhecer a simples Ana e o seu príncipe, sem contar que nunca li nada que se passasse na Krósvia e vai ser muito bom conhecer mais desse país.
    Amei a resenha Amiga!

    Beijos, Greice.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, ele me lembrou muito A Seleção, por se tratar de um conto de fadas, apesar de também não ter nada a ver com distopia. E sim, a capa é divinaaa.. a NC arrasou.. Mas peraí, a Krósvia existe? Não foi inventada pela Marina não? kkk Beijos

      Excluir
  10. Oii, tudo bom?
    Não sabia que esse livro é uma série! Estava louca pra ler, mas acho que vou esperar o segundo, então!
    Tenho muita curiosidade com esse livro, acho que ele deve ser parecer um pouco com O Diário da Princesa, mas acho a capa linda e a sinopse muito convidativa, sem contar que é uma autora nacional, então mais um motivo para ler!
    Adorei a resenha! Muito bem escrita, parabéns!
    Espero gostar tanto do livro quanto você gostou, com certeza é uma das minhas próximas leituras :)

    Beijoss
    Thaís - Instinto de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaís, ele não era, mas fez tanto sucesso que a Marina resolveu escrever um segundo livro. Não sei te dizer se ele é parecido com O Diário da Princesa porque não li. Espero que você curta a narrativa da autora e a história do livro. Obrigada pelo elogio. Beijos

      Excluir
  11. Oi Mi!
    Eu sou apaixonada por este livro, o li e me diverti demais.
    Bom, que eu possa ler outras coisas da autora em breve.
    Beijos e até mais,
    Ana.
    http://www.umlivroenadamais.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, que bom que você gostou. A Marina é ótima. Não deixe de ler seus outros livros e aguarde Simplesmente Ana 2 porque está demais. Beijos

      Excluir
  12. já li Simplesmente Ana, amei o livro, tudo perfeito, tanto o enredo quanto a linguagem que a Marina usa para nos prender ainda mais aos seus livros, que são magníficos ! Gostei bastante do post Mi, você escreve muito bem ! Beijinhos ;)

    ResponderExcluir