Dica de leitura - Destrua este Diário

Destruição de livros
"‘Wreck This Journal’ é um livro ilustrado que contém uma perturbadora coleção de tarefas que pedem aos leitores que juntem suas melhores habilidades em erros e bagunças para completar as páginas do livro (ou destruí-las). Através de uma série de criativas e ilustradas tarefas, Keri Smith quer encorajar seus leitores em atos “destrutivos” – deixando buracos em páginas, adicionando fotos e estragando-as, manchando páginas com café, pintando fora das linhas e mais – com o objetivo de experimentar o verdadeiro processo criativo. Através da sensibilidade de Keri, leitores são introduzidos a uma nova maneira de fazer arte, descobrindo maneiras de escapar do medo de páginas em branco e entrando completamente no processo criativo. Pagina oficial https://www.facebook.com/destruaestediario."
Compre aqui: Saraiva

Oi gente, hoje vou falar sobre um assunto bem polêmico que divide opiniões e muitas vezes insufla ódio nos bibliófilos de plantão: a destruição dos livros.

Quem aqui não fica tinindo de raiva quando vê um livro amassado, riscado, com as folhas dobradas, ou então quando vê preciosas páginas de livros arrancadas e coladas em paredes? Ou pior, quando se depara com aqueles livros que são transformados em porta-joias ou caixas, que têm seus miolos estripados sem dó nem piedade?

Pois é, sei que tem gente que não gosta, mas sei que também tem gente que não se importa, que pelo contrário, vê na situação uma ótima oportunidade de extravasar sua criatividade. E pensando nisso que Keri Smith escreveu o livro Destrua este Diário, que será lançado dia 9/11/13 no Brasil, pela Editora Intrínseca.

Pode-se dizer que Destrua este Diário é um guia ousado que visa estimular a criatividade do leitor. Chega de guardar páginas metodicamente impressas, sem nenhum risquinho ou vinco. Que tal colar chicletes nela, criando uma obra artística inusitada? Ou então, o que vocês acham de pegar seus lápis de cor e começar a desenhar nas páginas do seu livro preferido? Seria fofo ou uma abominação?

Confiram o texto promocional abaixo retirado do site da Editora Intrínseca e conheçam melhor esta obra que veio para abalar os nervos de muitos leitores:

Destruição de livros
"A ilustradora e artista canadense Keri Smith se inspirou nos clássicos diários pessoais para criar uma maneira diferente de entreter o leitor. Subversivo e divertido, Destrua este diário é um livro com sugestões lúdicas e inusitadas que estimula a criatividade à prova de medo de errar e de fazer bagunça."
Destruição de livros A culpa é das estrelas Ok
"As instruções são simples: escreva uma palavra várias vezes, despeje, derrame, respingue, cuspa, jogue seu café, calce o livro como um tênis, entre outras tarefas destrutivas e bem-humoradas."
Destruição de livros
"A edição norte-americana de Wreck This Journal superou os limites do papel e viralizou nas mãos dos leitores, que criaram blogs no Tumblr e vídeos do YouTube para exibir suas criações. No Brasil, Destrua este diário estará nas livrarias a partir de 9 de novembro."

DESTRUIR TAMBÉM É CRIAR! Será? E será que esta regra também vale para o próprio livro da Keri, Destrua este Diário? Só sei que depois disso tudo fiquei muitoooo curiosa para lê-lo. E vocês?

Beijos, Mi

57 comentários

  1. Também encomendei o meu na Saraiva.
    Apesar de ser um pouco perturbador (já vi que tem uma tarefa em que você tem que jogar/cuspir café na página) acho que vai ser bem divertido.

    E ainda tô apostando como presente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Lucas, vai ser meio bizarro cumprir algumas das tarefas dele.. mas ao mesmo tempo será divertido.. kkk Beijos

      Excluir
  2. Oi Mi, tudo bem?

    Nossa, que interessante. Quer dizer então que o "livro" tem páginas em branco pra gente fazer o que quiser? Ousado isso! Mas existe um conteúdo, certo? Tem uma história, mas no meio dela existem páginas para você criar o que quiser...?

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade cada página tem uma tarefa diferente pra você realizar.
      Olha aí: http://o-livreiro.com/?p=7769

      Excluir
    2. Oi Kel, pelo que entendi não é um livro de histórias não.. é como se fosse um diário e um guia de como destruí-lo.. kkkk Beijos

      Excluir
    3. o "Wreck" é um livro em branco, as únicas coisas que completam ele são as instruções para cada página, o resto você complementa, e tem de tudo, cada coisa bizarra que eu nunca teria pensado, como tomar banho com o journal, amarrar uma corda e leva-lo para passear, e outros... É coisa de "louco", e estou muito ansiosa pelo dia do lançamento <3 haha

      Excluir
    4. Eu achei legal a instrução de levá-lo para tomar banho junto.. kkk Vi isso em algum lugar, tenho a impressão.. ou to imaginando coisas já.. kkk Beijos

      Excluir
  3. Desejo bastante esse livro e sempre desejei, queria muito que fosse lançado no Brasil e quanto foi fiquei feliz, pretendo comprar mas não sei se vou ter coragem de destruí-lo, queria guardar e ler as coisas que tem dentro sabe hahahaha.
    Beijos.
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Catharina, nunca tinha ouvido falar dele e adorei quando conheci o projeto. Eu ao contrário, estou louca para destruí-lo.. kkk Beijos

      Excluir
  4. Ideia super criativa e diferente, está mais para obra de arte do que para livro convencional de leitura isso.
    Mas não compraria não hehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade.. parece mais um convite a fazer arte do que a ler. Mas eu adorei! Estou louca para receber o meu.. hehe Beijos

      Excluir
  5. Quando fiquei sabendo desse livro na Bienal, fiquei interessada e pretendo comprá-lo. Acho a ideia válida porque é um livro feito para isso.
    Achei as fotos divertidas, menos a dos chicletes..rs.
    Beijos
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, concordo. Provavelmente eu não teria coragem de fazer nada com outro livro, mas como este é feito com o intuito de ser destruído, não vejo a hora.. kkk Ah, achei uma fofura a parte dos chicletes.. kkk Beijos

      Excluir
  6. Achei a proposta do livro bem interessante. Eu sou dessas que odeio que estraguem um livro. Quem sabe os que gostam, não curtem a ideia e compram ele heheheheh

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, eu não chego a ter muita onda em manter o livro intacto não. Não hoje, pelo menos. Claro que não pegaria um livro e sairia fazendo desenhos, recortes e tal.. mas levando em consideração que essa a intenção de Destrua este Diário, não vejo a hora de por as mãos nele.. kkk Beijos

      Excluir
  7. hum, não curti :p
    Sou a favor da criação,quem gosta de pintar, desenhar e etc afinal eu também gosto de tudo isso, exatamente por isso que tenho agendas e diários. Nunca, jamais faria isso em um livro, pelo amor de Deus... Por outro lado faço tudo nos meus diários, colo imagens, desenho, pinto, escrevo poemas e pensamentos e fica tudo muito bonito. Porque fazer isso no livro? Não curti :/

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiii, eu também amoooo diários e sou assim como você.. quanto a fazer isso com livros, não sei dizer, é apenas uma proposta diferente. Pelo visto tem gente que faz isso com livros de "verdade". Pelo menos, Destrua este Diário foi feito para esse fim.. daí me sinto menos culpada com a ideia de destrui-lo.. kkk Beijos

      Excluir
  8. Eu sempre quis ter esse livro, desde que começaram a rolar no Tumblr as fotos das "destruições" que as pessoas haviam feito nos seus próprios. Como eu sou uma pessoa muito artística, eu estou maluca para tê-lo. Espero que eu dê um jeito de comprar ou ganhar ^^

    Kisses,
    Hannah - http://meu-mundo-hm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não conhecia essa proposta e achei sensacional quando ouvi falar. Também não vejo a hora de receber o meu. Espero ter coragem suficiente para destruir o livro.. kkk Beijos

      Excluir
  9. Acho muito legal esse livro, sou louco por um deses, apesar de ter que destruí-lo :c
    Gostaria de ter ele em inglês mesmo :\ Não gostei muito da edição brasileira, apesar de ser idênticos :\
    Até mais :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conheço a edição em inglês para comparar, mas achei a edição da Intrínseca bem bonita. Quando ele chegar em minhas mãos mostro para vocês. Beijos

      Excluir
    2. Na Saraiva tem a edição em inglês, com 4 opções de capa! Eu não gostei deles terem escolhido a capa paper bag pra versão em português, tomara que traduzam com as outras opções também.

      Excluir
    3. Que legal, vou lá ver para conhecer as outras edições. Valeu. Beijos

      Excluir
  10. Nossa que legal, amei a dica ...
    Simplesmente incrível, eu amei, adorei, me apaixonei ... gamei nesse livro :]

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Day, fico feliz em saber. Beijos

      Excluir
  11. HUMMMMMMM...Eu não curti muito isso. Eu primeiramente amo meus livros e nunca me arriscaria em destrui-los por uma arte,nunca mesmo. Mas este livro ate parece ser interesse pelo tema em que aborda.Sim estou curiosa, mas uma coisa eu digo, nunca iria fazer com meus livros o que nas imagens são mostrados.Hahahahahahaha

    Beijokas Ana Zuky

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk pois é Ana.. destruir livros de "verdade" acho também meio radical demais.. mas este até que não estou com tanta pena, afinal, ele foi feito para isso né?! kkk Beijos

      Excluir
  12. Oi Mi,
    tudo bem?
    Podemos ver a proposta da autora sobre outro ângulo: não temos que pegar um livro e destruí-lo, ao contrário, podemos fazer um livro, nós mesmos. De que forma? Usando toda nossa criatividade. Foi o que eu entendi. Ela deu a entender que qualquer ação é manifestação de arte.
    Beijos.
    Cila- leitora Voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida, concordo com você, acho que a premissa desse livro é justamente essa, é mostrar que até na destruição há criação. Mas claro, este livro foi feito para isso e por isso brinco que não sentiria muita pena de destrui-lo. O problema são os outros milhares de livros normais que foram destruídos em razão do projeto da autora.. isso acho que não teria coragem de fazer não.. kkkk Beijos

      Excluir
  13. fico louca só em pensar que pode acontecer algo com meus preciosos livros ,mas achei a ideia criativa para aquelas pessoas que querem aflorar seu dotes artísticos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade.. hehe eu, por exemplo, não vejo a hora de por as mãos nele.. kk Beijos

      Excluir
  14. https://www.facebook.com/destruaestediario Curtam!! achei demais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Antonio, adorei a dica. Foi legal conhecer um pouco mais sobre o livro. Já fui lá curtir ;o) Beijos

      Excluir
  15. Achei interessante! Super lúdico! UAHSUAHS

    ResponderExcluir
  16. Caio Barros29/10/2013 17:05

    Também achei a proposta super interessante e fui pesquisar sobre esse 'diário', mas fiquei me questionando sobre duas coisas: As outras edições (red, black e duct tape) trazem novas atividades? O Finish This Book, Mess - The Manual Of Accidents And Mistakes e o The Guerilla Art Kit trazem a mesma proposta?
    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também quero saber sobre os outros livros.

      Excluir
    2. Olá Caio e Bruna perguntei para a Editora e eles me disseram que todas as outras versões de Destrua este Diário são iguais, ou seja, possuem o mesmo conteúdo, a única coisa que muda é a cor da capa, e eles não sabem se vão lançar as outras capas no Brasil. Quanto aos outros livros que você citou Caio, não conheço e não sei te dizer. Beijos

      Excluir
  17. É no mínimo diferente...

    Bjo!

    Te espero lá no meu cantinho, =D

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Eu também não conhecia a autora e fiquei curiosa com ideia que o livro busca. Eu cuido dos meus livros como se fossem joias e o fato de destruir, queimar páginas, furar, rabiscar pode ser difícil porém eu também curto ser criativa ! É claro que eu já comprei e estou ansiosa !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna, então, a ideia é realmente meio complicada quando pensamos, por exemplo, em aplicá-la nos nossos livros de estimação. Mas levando em consideração que este é um livro feito para isso mesmo.. fico com menos culpa nas costas.. kkk também estou ansiosa esperando o meu chegar. Beijos

      Excluir
  19. kkkkkkkkkkk que bizarro! Acho que vou comprar esse livro.. simplesmente quero ter essa experiência!
    um 'manual' de como destruir um livro.. dever ser divertido =))

    Beeijos, Dreeh.
    Livros e tudo que há de bom

    ResponderExcluir
  20. Estou louca pra ter um *-*
    http://incontrolaveispalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Gostei da idéia, mas... Não tenho coragem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem umas coisinhas bem bobas no livro que eu não vou cumprir mas e parte estou gostando e curtindo.

      Excluir
    2. Oi Sarah, acho que eu não teria coragem para fazer isso num livro "normal", mas como este foi feito para ser destruído: mãos à massa! kkk

      Bruna, estou doida para conferir os desafios.. também não sei se vou completar o livro todo, mas vou tentar fazer algumas coisas. Beijos

      Excluir
  22. Bom , eu sou , como posso dizer...Fã,viciada,maluca,enfim, doida por livros e não teria coragem alguma para destruir algum livro ,nunca que eu iria com um livro mesmo sendo esse na rua arrastando o coitado , mas eu gostei da proposta de "destruir" da autora , mais não de destruir , destruir e sim de inovar como desafios a cumprir como se alguém falasse que você fosse incapaz de fazer e pretendo deixar no máximo possível intacto o diário mais também me divertindo , estou doida para comprar o livro e como eu acabei de saber sobre o livro, devido a Black Friday, a maioria dos sites esgotou o estoque! Bjs , Adorei a matéria!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luciene.. sim, também nunca destruiria um livro a troco de nada.. mas é como você disse, a proposta na verdade é destruir e criar ao mesmo tempo.. além de ser um livro criado especificamente para este fim.. então até dá vontade.. hehe Sim, ele esgotou super rápido, mas se de gente que conseguiu preços bem especiais por ele. Que bom que gostou. Beijão

      Excluir
  23. PAIXÃO total define!!! kkkkkkkkk loucura!!!

    ResponderExcluir
  24. Muito legal a parte de esconder uma folha no quintal do vizinho e muito legal vender uma pagina e também congelar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Thais. Boa diversão. Beijos

      Excluir