Aniversariante do mês - Markus Zusak

Oi pessoal, o aniversariante do mês de junho é o autor australiano Markus Frank Zusak, nascido em 23 de junho de 1975, famoso pelo seu best-seller internacional A Menina que Roubava Livros.

"Mais novo de quatro filhos de um austríaco e uma alemã, Markus cresceu ouvindo histórias a respeito da Alemanha Nazista, sobre o bombardeio de Munique e sobre judeus marchando pela pequena cidade alemã de sua mãe. Ele sempre soube que essa era uma história que ele queria contar. "Nós temos essas imagens das marchas em fila de garotos e dos 'Heil Hitlers' e essa ideia de que todos na Alemanha estavam nisso juntos. Mas ainda haviam crianças rebeldes e pessoas que não seguiam as regras e pessoas que esconderam judeus e outras pessoas em suas casas. Então eis outro lado da Alemanha Nazista", disse Zusak numa entrevista com o The Sydney Morning Herald. Aos 30 anos, Zusak já se firmou como um dos mais inovadores e poéticos romancistas dos dias de hoje. Com a publicação de "A Menina que Roubava Livros", ele foi batizado como um "fenômeno literário" por críticos australianos e norte-americanos. Zusak é o autor vencedor do prêmio de quatro livros para jovens: "The Underdog", "Fighting Ruben Wolfe", "Getting the Girl", e "Eu Sou o Mensageiro", receptor de um Printz Honor em 2006 por excelência em literatura jovem. Markus Zusak vive em Sydney com sua esposa e sua filha. Gosta de surfar e assistir filmes em seu tempo livre." Fonte.

Conheçam alguns dos livros escritos por Markus Zusak:

"A trajetória de Liesel Meminger é contada por uma narradora mórbida, surpreendentemente simpática. Ao perceber que a pequena ladra de livros lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943. Traços de uma sobrevivente: a mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los por dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. O único vínculo com a família é esta obra, que ela ainda não sabe ler. Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a conivência do pai adotivo, um pintor de parede bonachão que lhe dá lições de leitura. Alfabetizada sob vistas grossas da madrasta, Liesel canaliza urgências para a literatura. Em tempos de livros incendiados, ela os furta, ou os lê na biblioteca do prefeito da cidade. A vida ao redor é a pseudo-realidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do Führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude Hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela História. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa deste duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto, um sucesso absoluto - e raro - de crítica e público."

Só digo uma coisa, quem ainda não leu esse livro, LEIA!! É simplesmente perfeito e emocionante. Um dos livros mais lindos e tristes que já li. Ele será adaptado para o cinema e as filmagens já estão sendo feitas em Berlin.

Compre aqui: Submarino 

"Ed Kennedy leva uma vida medíocre, sem arroubos. Trabalha, joga cartas com cúmplices do tédio, apaixona-se por uma amiga que dorme com todos os vizinhos do subúrbio e divide apartamento com um cão velho. O pai alcoólatra morreu há pouco; a mãe parece desprezá-lo. Certo dia, ele impede um assalto a banco e é celebrizado pela mídia. O ato heróico tem conseqüência. Logo depois, Ed recebe enigmáticas cartas de baralho pelo correio: uma seqüência de ases de ouros, paus, espadas, copas, cada qual contendo uma série de endereços ou charadas a serem decifradas. Após certa hesitação, rende-se ao desafio. Misteriosamente levado ao encontro de pessoas em dificuldades, devassa dramas íntimos que podem ser resolvidos por ele. Uma mulher é estuprada diariamente pelo marido, enquanto uma senhora de 82 anos afoga-se em solidão, à espera do companheiro, morto há mais de meio século. A ele parece caber o papel do eleito, do salvador. Convencido disso, segue instruções e se perde entre ficções de estranhos e sua própria, embaçada, realidade. A certa altura pergunta-se: "Eu sou real?" Markus Zusak cria um personagem comovente capaz de confrontar o mistério e, por meio da solidariedade, empreender um épico que o levará ao centro de sua própria existência."

Compre aqui: Submarino

"Antes de tornar-se mundialmente conhecido, Markus Zusak escreveu uma trilogia de sucesso que somente agora está sendo publicada no Brasil. O primeiro título chama-se O Azarão. Fãs de A menina que roubava livros não podem deixar de ler os romances que inciaram a carreira estelar desse autor. Narrado em primeira pessoa, o livro apresenta a história de Cameron Wolfe, um garoto de 15 anos, perdido na vida e que vive às turras com a família. Trabalha com o pai encanador e sua mãe está sempre brigando com os filhos, na pequena casa onde todos moram juntos. Steve é o mais velho e mais bem-sucedido. Sarah é a segunda, e está sempre dando uns amassos com o namorado. Rube é o terceiro e o mais próximo de Cameron. Os dois, além de boxeadores amadores, vivem armando esquemas para roubar lojas e outros locais do tipo. Contudo, os planos nunca saem do papel. Uma história sobre a vida e sobre as lições que dela podem ser tiradas. Um romance de formação que exibe um jovem incorrigível, infeliz consigo mesmo e com sua vida. - "Tento ser humano em minha escrita. Comecei a escrever porque era o caminho natural. Durante o ensino médio eu era muito introvertido. Sempre tinha histórias na cabeça. Então comecei a escrevê-las." - Markus Zusak"

Compre aqui: Submarino 

"Na continuação do sucesso O azarão, Markus Zusak apresenta o emocionante Bom de briga. Se no primeiro título o autor traz um romance de formação de um jovem incorrigível, infeliz consigo mesmo e com sua vida, agora ele exibe dois irmãos em busca de um propósito na vida. Bom de briga retrata a evolução dos irmãos Cameron e Ruben Wolfe como seres humanos. No primeiro livro, a dupla estava sempre atrás de algo errado para fazer. Dessa vez eles entram no mundo das lutas amadoras de boxe, buscando independência para suas vidas. Enquanto Ruben mostra um talento nato para a coisa, o outro tenta apenas sobreviver. Tudo que é ruim é normal no dia a dia da família Wolfe - como os silêncios, as brigas, a pobreza, a mediocridade. Eles já se acostumaram com isso e sempre têm uma justificativa para tanto. Cameron, o mais novo, é o exemplo do jovem batalhador. Desde cedo apanha e se levanta, mostrando que o que importa não é a força da pancada, mas se você tem a força necessária para se reerguer."

Compre aqui: Saraiva

 A GAROTA QUE EU QUERO
"Cameron Wolfe é um cara quieto. O mais quieto da família. Não é um astro do futebol, como o irmão Steve, nem um lutador que muda de namorada a cada semana, como o irmão Rube. Ele, na verdade, daria qualquer coisa para ao menos se aproximar das garotas que Rube conquista e abandona por aí. De uma delas, mais especificamente: Octavia, dona dos mais lindos olhos verdes e das ideias mais brilhantes. Ela é a atual namorada do irmão. E Cameron está apaixonado. Mas será que ela poderia enxergar nele algo interessante? Mais do que enxerga em Rube? Ele acha que não, mas Octavia, talvez, ache que sim. Talvez ele, de fato, tenha algo a oferecer. Talvez os dois tenham coisas em comum. E de talvez em talvez, tudo pode mudar."

* Previsão de lançamento no Brasil, pela Editora Intrínseca, em julho.

24 comentários

  1. Oi Mi!

    Li "A Menina Que Roubava Livros" e simplesmente amei. Fiquei super curiosa de ler essa trilogia que ele lançou antes de "A Menina Que Roubava Livros".

    Kisses,
    Hannah - http://meu-mundo-hm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Hannah, A Menina que Roubava Livros é um dos meus queridinhos. Também tenho curiosidade para ler essa trilogia. Aparenta ser mais jovem com uma narrativa diferente. Beijos

      Excluir
  2. Nossa que orgulho de saber que o Markus nasceu no mesmo mês que eu *--*

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adorei saber.. hehe Também faço niver em junho, aliás, já fiz.. hehe Beijos

      Excluir
  3. Laís Souza22/06/2013 20:45

    Nhá! Mas que capa linda é essa de "A garota que eu quero"? Super curiosa para ler,já simpatizei de cara (quer dizer, de sinopse) com o Cameron. Queria que a Intrínseca lançasse a trilogia toda. Acho a qualidade deles bem melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficou fofa, né?! Também acho a qualidade deles impecável. Uma pena que a trilogia tenha se dividido entre duas Editoras diferentes. Beijos

      Excluir
  4. Eu não sei o que havia acontecido comigo na época que comecei a ler "a menina que roubava livros",mas eu abandonei,algo que vai contra a minha política de leitura(se é que existe isso kkkk)

    "A GAROTA QUE EU QUERO " tem uma sinopse bem interessante,bom eu gostei!

    'O azarão' e 'bom de briga" parece ser ótimo e nos dar uma lição de vida.Amei esta frase:" Cameron, o mais novo, é o exemplo do jovem batalhador. Desde cedo apanha e se levanta, mostrando que o que importa não é a força da pancada, mas se você tem a força necessária para se reerguer." Me emocionei com esta frase,imagina só com os livros???rsrsrsrsrs bons livros,eu pretendo ,um dia,retomar a leitura de "a menina que roubava livros".Eu achoi um livro bom ,até aonde eu li e me arrependo de ter largado,acho que o fato de ter pego emprestado da bibliioteca da minha escola contribuiu para este abandono.

    beijos!

    eueminhacultura.blogspot.com.br

    PS:PARABÉNS AO AUTOR,QUE ELE TENHA MUITOS ANOS DE INSPIRAÇÃO E SAÚDE PARA SEMPRE NOS PRESENTIAR COM BOAS HISTÓRIA!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De repente você não estava no clima para ler o livro, vai saber. Mas essa trilogia parece ser bem fofinha, né?! Eu adorei a narrativa o Markus, espero que ele continue tão bom quanto em A Menina que Roubava Livros. Beijos

      Excluir
  5. Pode acreditar: ainda não li "A menina que roubava livros", rs. Necessito! *-*
    Também gostei de "A Garota que eu quero" =D
    Nunca tinha lido sobre o autor, muito interessante seu post.
    Beijos!
    http://elastemalgumestilo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou. Leia assim que puder, pois o Markus é um ótimo autor. Beijos

      Excluir
  6. Já li um livro do Markus e gostei bastante. Depois vou ver no grupo de tradução se os outros livros dele já foram traduzidos, se não, irei começar a traduzir! *-*
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quais outros querida? Todos esses que listei já foram traduzidos para o português. Estou louca para ler a trilogia. Beijos

      Excluir
  7. Ah eu sou louca pra ler os livros dele, principalmente a garota que roubava livros.
    To cm uma promessa de me emprestarem ele ainda... :(

    Adorei o post!
    Um beijo!
    www.fizdecanetinha.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, leia assim que puder. Espero que goste. A narrativa dele é mágica. Beijos

      Excluir
  8. Markus ♥

    Sou super fã de A Menina que roubava livros e fiquei louca assim que acabei de ler procurando pelo filme até descobrir que não existia. Felicidade imensa foi a minha ao descobrir que logo veremos essa obra incrível nas telinhas. Quero ver eles retratarem toda a essência da obra, o que acho que não vai ser fácil e vai sair caro, já que é preciso de um cenário de guerra. Mas temos muita tecnologia a nossa disposição não é mesmo?

    Essa semana meu amigo (que eu não fazia ideia de que um dia o veria com um livro) chegou e perguntou: Greice conhece o livro A menina que roubava livros? - Sim, por quê? - Estou lendo!
    Aí começamos um pequeno bate papo sobre a história, muito legal.
    Eu sempre compartilhando minhas histórias de leitora, rsrs.

    Pena que esse foi o único livro do Markus que li até agora. Dos que você citou eu não conhecia A Garota que eu quero. AMEI a sinopse, e fiquei louca para ler, o melhor é que será lançado pela Intrínseca que sempre capricha muito na qualidade de seus livros. Não vejo a hora de ser lançado.
    Também tenho curiosidade nos outros livros do autor.
    E adorei saber que AMQRL tem relação com a vida da mãe dele.

    Beijos, Greice.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi lindona, adoro ouvir suas histórias viu!! hehe Que bom que esse seu amigo está lendo uma obra tão linda e tão intensa. AMQRL é um livro que deveria ser apreciado por todos, assim como O Diário de Anne Frank. Quanto ao filme, dizem que o Zusak está supervisionando tudo. Espero que seja arrebatador e que não tenham mudado muito a história, né?! Pelo que entendi vamos ter que ler os 2 primeiros livros da trilogia para poder entender A Garota que eu Quero. Vou ter que correr atrás do preju para poder ler no lançamento.. hehe Beijos

      Excluir
  9. Eu adoro os livros dele *--*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é com certeza um excelente autor! Beijos

      Excluir
  10. Quantos livros ele tem publicado Oo
    Confeso que so conhecia A menina que roubava livros e que por sinal eu nem li ainda =/ mas pretendo ler em breve =))

    Beeijinho. Dreeh
    Livros e tudo o que há de bom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que ele está escrevendo mais um livro, mas já faz 8 anos, então sabe-se lá quando ele irá terminar.. hehe Beijos

      Excluir
  11. Ainda não li A Menina Que Roubava Livros, eu sei, eu sei, mereço umas broncas. É tanto livro que eu fico confusa pra escolher. Mas espero ler em breve, nem que seja roubando o livro de alguma amiga pra ler, talvez...
    Não conhecia O Azarão, não sabia muito sobre Markus Zusak, achei que fosse um autor mais para livros únicos, bem reflexivos, daqueles que você não esquece, o que acho totalmente diferente com essa série, bom saber que ele escreve outros estilos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Duda, também pensava isso dele, mas pelo visto ele é um autor eclético.. hehe Beijos

      Excluir
  12. Oi! Vim parar aqui por acaso, porque SOU MEGA FÃ DO MARKUS, ele é meu amorzão literário desde 2007 ;) e já respondeu a um e-mail meu e tudo. Imagina como eu não fiquei ? hahahahha O print tá aqui ó http://elasleram.blogspot.com.br/2013/07/a-menina-que-roubava-livros-markus-zusak.html

    Voltarei mais vezes, adorei o blog! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que tudo Eliana. É tão bom quando nos correspondemos com autores que amamos, né?! Adoro quando isso acontece. Beijos e volte sempre.

      Excluir