Resenha - Filme O Lado Bom da Vida

"Pat Solitano Jr. (Bradley Cooper) perdeu absolutamente tudo na vida: sua casa, o emprego e a esposa. Deprimido, ele vai parar em um sanatório, onde fica internado por oito meses. Ao sair, Pat passa a morar com os pais e está decidido a reconstruir sua vida, o que inclui retomar o casamento, passando por cima de todos os problemas que teve. Entretanto, seu novo plano começa a mudar quando ele conhece Tiffany (Jennifer Lawrence), uma garota misteriosa que também tem seus problemas."
Oi pessoal, hoje vou fazer a resenha do Filme O Lado Bom da Vida.

O filme começa com Pat Solitano sendo buscado por sua mãe de uma clínica para doentes mentais. Ele tem transtorno bipolar e foi internado lá por 8 meses após passar por uma crise violenta e quase matar uma pessoa.

Pat vai morar com seus pais, que lhe dão todo o apoio e suporte para recomeçar sua vida. Seu único objetivo é reconquistar sua esposa Nikki, que o abandonou. Ele tem consciência de que será uma tarefa difícil e terá que provar para Nikki que pode ser um homem diferente e um marido melhor para ela.

Assim, ele começa a realizar tarefas, como por ex. ler todos os livros de literatura inglesa que a Nikki ensina no colégio, a praticar a gentileza ao invés de ter sempre razão, a malhar como um viciado para recuperar a boa forma. Tudo que Nikki aprovaria.

Num belo dia, Pat conhece Tiffany, cunhada de seu amigo Ronnie. Uma mulher viúva, amargurada e depressiva, mas que se torna uma grande amiga de Pat, a única pessoa que realmente o entende e com quem ele pode contar. 

Ela se disponibiliza a ajudá-lo a reconquistar Nikki, mas em troca, pede que Pat seja seu companheiro de dança numa competição. De início Pat não aceita, mas vê na proposta da Tiffany sua única oportunidade de reconquistar a mulher que ama. Porém, mal sabia ele que ao aceitar tal condição, sua vida mudaria totalmente.

***

Final de semana passado, eu convenci a minha mãe a me levar no cinema para assistir O Lado Bom da Vida. Estava muito ansiosa pelo filme, não só porque ele foi indicado a 8 prêmios do Óscar, mas principalmente pelo fato de eu ter lido o livro e querer conferir a adaptação cinematográfica.

Eu já tinha lido uma entrevista com o Matthew Quick sobre as adaptações, no site da Editora Intrínseca, e já estava preparada para algumas mudanças no filme, só não podia imaginar que teriam mudado tanto a história!! Gente, foi demais. Eles mantiveram apenas a essência do livro, de resto, quase tudo que era detalhe foi alterado, desde o sobrenome de Pat à sua relação com seu pai.

Quando li o livro, confesso que não morri de amores, diferentemente de muitas pessoas que leram e amaram. Então imaginei que talvez fosse gostar do filme. O filme não é ruim, ri muito, mas não é nada demais. É uma comédia romântica estilo "sessão da tarde", sabem? Não entendi o porquê dele ter sido indicado aos Óscars, muito menos de terem feito tanto alarde em cima. Depois de ter visto o filme, acabei gostando muito mais do livro, que é muito mais profundo e verdadeiro.

A atuação do Bradley Cooper está muito boa. Acho que ele conseguiu ser convincente interpretando o papel de Pat. A Jennifer Lawrence, em minha opinião, deixou a desejar na sua interpretação de Tiffany. A Tiffany é uma personagem maravilhosa no livro, um poço de emoções e de sentimentos intensos, e não acho que a Jennifer conseguiu transmitir isso para o público. Não tenho nem o que comentar do Robert De Niro :o( Apesar de amar esse ator, ele foi tão clichê ao interpretar o pai de Pat. Apenas em uma cena ou duas é que deu para se emocionar um pouco mais.

Naturalmente, para uma fã de dança, como sou, essas cenas do filme foram as que mais gostei e me diverti. De resto, só ficava assistindo e dizendo mentalmente "não foi assim que aconteceu, isso está errado, isso não aparece no livro", blablabla. São poucos os filmes que consigo ver como uma produção independente, avaliá-los e admirá-los sem compará-los com os livros. Esse definitivamente não foi um deles.

Mas calma, nem tudo está perdido.. hehe Essas são as minhas impressões sobre o filme, não quer dizer que eu não o recomende para vocês, porque se vocês gostam de uma comédia romântica leve e divertida, vejam, vale a pena. Mas quem leu o livro já alerto, não criem expectativas como eu fiz e talvez vocês até se surpreendam.

Quem não leu a resenha que escrevi sobre o livro, clique AQUI.

Título original: Silver Linings Playbook
Roteiro: David O. Russell, Matthew Quick
Direção: David O. Russell
122 minutos

TRAILER 

23 comentários

  1. Oii Mi. Nossa não imaginei que o filme seria tão diferente do livro. Eu não li ainda mas arranjei o e-book. Eu comecei a ver o filme mas eu não tava no clima e parei logo nos 10 minutos, mas vou dar uma segunda chance. Você disse que a Jennifer não fez bem o papel, e isso me decepcionou pois eu gostei muito da atuação dela em outros filmes e minha vontade de assistir a esse filme era mesmo pela atriz. Espero não me decepcionar.
    P.S.: A cartinha chegou :D, eu AMEI. Muito, muito obrigada.
    Beijos, Greice.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor, sim, o filme é muito diferente, nos mínimos detalhes. Numa dessas veja primeiro o filme e depois leia o livro. Talvez assim você não se decepcione. Então, eu não achei a interpretação da Jennifer nada demais, entende?! Tem algumas cenas engraçadas com ela, o problema é que eu imaginei a Tiffany de um jeito diferente. Achei a interpretação dela rasa e boba. Mas como disse, se você vir o filme antes, é bem provável que goste.
      Aiii que bom que chegou, tava preocupada.. hehe Fico feliz que tenha gostado. Bjs,
      Mi

      Excluir
  2. Gostei do filme embora no começo achei um pouco monótono, mas comecei a me interessar pois existe similaridades de comportamentos (se eh que me entende) então a cada minuto o filme foi ficando mais interessante. Gostei da atuação de Jeniffer pois acho que ela tbem tinha suas neuras patologicas e eles acabaram se encontrando por existia uma interconexão. Enfim, acho que para quem le o livro é realmente diferente, pois o mundo dos sonhos no livro o céu é o limite e acho muito mais gostoso desfrutar da nossa imaginação.
    beijocas
    Pate

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pate, fico feliz que tenha gostado do filme :o) Talvez se eu não tivesse lido o livro também tivesse. A questão toda em relação a Jennifer não é que ela estava ruim, só não achei que ela chegou a altura da Tiffany no livro, entende?! Sim, o fato de ambos terem problemas sérios e se amarem mesmo assim, ajudando um ao outro no amadurecimento e autoconhecimento é lindo. É uma das lindas lições que o livro e o filme trazem! Bjs

      Excluir
  3. Mimo, apreciei o teu texto! Realmente, tu captaste a essência do filme: ele é um grande amontoado de clichês e lamento rever o De Niro metido em um roteiro tão pobre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do texto, mãe. O filme é bom para entreter, até porque não posso negar que ri bastante, mas não passa disso. Não chega aos pés do livro. O meu problema foi ter ido assisti-lo com grandes expectativas. Bjs

      Excluir
  4. Ainda não assiti ao filme e nem li o livro, mas parece ser muito bom.
    Gostei da resenha.

    http://mundodosmngas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcos, tudo bem? Obrigada pela visita. Sim, ambos são bons, desde que tu não compare um com o outro.. hehe Bjs e volte sempre.

      Excluir
  5. Olá moça :)
    Estou querendo ver esse filme, comece a ler o livro mas não vingou, vou tentar novamente essa semana... Parece que o filme não é todas essas coisas que estão falando, enfim, vou dar uma chance a ambos :)

    Coloquei seu nome na indicação do meme que respondi *--* Depois do seu comentário fiquei curiosa para ver suas respostas.

    Beijos,
    http://www.segredosentreamigas.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ba, isso, dê chance a ambos e tire suas próprias conclusões, quem sabe você goste né?! kkkkkkkkkkkkkkk sério?? Valeu por me indicar.. kkkk Bjokas

      Excluir
  6. Já ouvi falar bastante do livro (e é quase impossível não saber que ele existe com aquele anúncio enorme na tela inicial do Skoob hahaha), mas acredita que eu ainda não tive vontade de ler? Duas coisas que eu adoro são livros e filmes (mais os livros rs). Mas, sabendo agora que existe o filme 'O lado bom da vida' (apesar de, como você disse, não ser fiel ao livro) vou assisti-lo. Obrigada pela dica! ;)

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daiana, obrigada pela visita. Sim, realmente, impossível não saber da existência do livro com aquele anúncio gigante no skoob.. kkkkk Assista o filme e depois me diga o que achou. Bjão

      Excluir
  7. Oi,Mi!

    Eu já providenciei o meu livro. Só estou esperando chegar para devorá-lo..rsrs
    To me segurando para não assistir o filme primeiro. É muito difícil mesmo um filme seguir a risca o conteúdo do livro e, isso é bem ruim porque inevitavelmente a gente fica comparando. Agora, a pergunta que não quer calar?
    Você acha que o filme justifica a quantidade de indicações ao Oscar?
    Bem, depois de lê-lo te aviso sobre minha opinião.

    Bjs!
    Zilda
    http://www.cacholaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zilda, obrigada pela visita. Olha, levando em conta minha experiência, numa dessas assista o filme primeiro, que talvez vc goste, e depois leia o filme. Eu pelo menos fiz isso com Crepúsculo e deu certo. Foi o primeiro filme adaptado que amei de verdade pq só fui ler o livro depois, em decorrência de ter gostado do filme.
      Respondendo sua outra pergunta, eu não sou uma expert em cinema. Sou extremamente leiga, não sei analisar pq o filme x levou a indicação y ao Óscar, mas, vendo como uma pessoa comum que gosta de cinema, não, eu não acho que o filme justifica 8 indicações ao Óscar. Acho que é um filme extremamente comercial e, pelo fato de ter tido tanto alarde em cima dele, acabou fazendo com que ele fosse mais valorizado do que seria um filme de entretenimento habitual.
      Depois venha me contar o que achou do filme e do livro tá?! Bjss

      Excluir
  8. Minha opinião é igualzinha a sua!! Li o livro, cheia de expectativa, acabou não sendo aquilo tudo. Fui assistir no cinema com meus amigos e todos me chamaram de insensíveis por não me tocar com nenhuma cena de verdade, a única coisa que eu dizia era "TÁ ERRADO!! NÃO É ASSIM!!! AAARGH!!!!" O filme é legal, engraçado, também não entendi essa de ganhar tantas indicações, é mesmo um filme estilo sessão da tarde! Depois de ver o filme, mudei minha opinião em relação ao livro, é muito melhor, sem falar no final, que nem se compara, eu acho. Não consegui acreditar que mudaram o sobrenome, o que custa deixar o nome igual, sabe?! Mas fazer o que...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ufaaaa, finalmente alguém que concordou comigo!! kkkk já tava me sentindo uma ET por só eu ter pensado dessa forma.. kkk Ah, fala sério né, mudar o sobrenome?? Pq meudeus?? Mto sem noção isso!! hehehe sem contar todas as outras mudanças. Qdo a Nikki apareceu no final do filme quase tive um surto e quase me levantei e fui embora. Só faltava ele ficar mesmo com ela né.
      E sim, só fui gostar mais do livro depois que vi o filme.. kkkk o livro é mil vezes melhor. Pelo menos o filme serviu pra isso né, pra que a gente visse o livro com outros olhos.. kkk Bjs

      Excluir
  9. Discordo do "comédia romântica de sessão da tarde". Assisti o filme e achei bem bacana, exatamente por ser diferente do que uma comédia romântica geralmente é, já que o relacionamento romântico propriamente dito só aparece mais para o fim, e não ficou uma coisa melosa insuportável, mas sim um cara tentando ser alguém melhor pra ter sua vida de volta, se esforçando pra mudar. Como homem, achei bem inspirador. No mais, acho que o fato de você ter lido o livro antes - que estou lendo agora, e concordo, é bem diferente do filme - deve ter criado uma barreira. Outra coisa que eu discordo é sobre a Jennifer Lawrence, ela esteve muito bem no filme. Novamente, o fato de você ter lido o livro primeiro não lhe permitiu apreciar a atuação dela seguindo a versão da Tiffany do filme, sem pensar na Tiffany do livro, que são dois personagens praticamente diferentes. E pra falar a verdade, acho que a mudança foi até melhor, pois, creio que o começo da relação dos dois presente no livro não ficaria tão bem no cinema. O lado bom (trocadilho não intencional)de toda essa diferença é que quem viu o filme primeiro vai ter a oportunidade de se divertir, e depois que sair da sala de cinema ainda conferir mais da história, e também conferir uma outra versão dos personagens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thiago, tudo bem? Obrigada pela visita. Concordo completamente com você. Ter lido o livro antes me tirou qualquer oportunidade de apreciar o filme e poder admirá-lo na sua individualidade. Com certeza irão surgir muitas opiniões divergentes por aí entre as pessoas que leram o livro antes e as pessoas que viram o filme antes. Nesse sentido, estou cada vez mais convencida de que é preferível sempre assistir primeiro o filme para depois ler o livro e se aprofundar na obra, evitando riscos de uma tremenda decepção. Bjs e volte sempre.

      Excluir
  10. Eu ganhei esse livro de uma cliente, e eu gostei muito por ser eu leitura fácil e gostosa de se ler...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, pena que o filme não chega a altura dele. Beijos

      Excluir
  11. O-O é uma pena que vc não tenha gostado tanto do que fizeram com o filme Mi. Eu custumo dizer que a solução para gostar do livro E do filme é ver primeiro o filme e depois ler o livro, mas isso meio que estraga, então não tem solução. Eu prefiro não ver nenhum dos dois quando se trata de O Lado Bom Da Vida, apenas acho que não serve pra mim, nem o filme nem o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Gabi, não gostei mesmo. E também não tinha curtido o livro. Acabei gostando mais do livro depois que vi o filme porque de certa forma o livro é mil vezes melhor que o filme. Valeu de alguma coisa pelo menos.. kkkk Concordo com você, sempre que vejo primeiro o filme e leio o livro depois não me decepciono com o livro, o problema é que nem sempre dá para fazer isso, já que as adaptações cinematográficas são lançadas muito tempo depois dos livros. Beijos

      Excluir
  12. Eu amei o seu blog é muito bom. Muito boa resenha, você me incentivou a ler a história. Recentemente, vi o filme e fiquei fascinado especialmente desde.... Eu sou definitivamente um fã Bradley Cooper e seus filmes não me perder, embora alguns são muito mal feitas. Pela maneira, recentemente eu vi americana Sniper, uma proposta que eu recomendo muito para ver.

    ResponderExcluir