Resenha + Vídeo - Marina

"Em maio de 1980, desapareci do mundo por uma semana. No espaço de sete dias e sete noites, ninguém soube do meu paradeiro. (...) Uma semana depois, um policial à paisana teve a impressão de conhecer aquele garoto; a descrição batia. O suspeito vagava pela estação de Francia como uma alma penada numa catedral de ferro e névoa. O policial me abordou com um ar de romance de terror. Perguntou se meu nome era Óscar Drai e se era o rapaz que havia sumido sem deixar rastros do internato onde estudava. (...) Na época, não sabia que, cedo ou tarde, o oceano do tempo nos devolve as lembranças que enterramos nele. Quinze anos depois, a memória daquele dia voltou para mim. Vi aquele menino vagando entre as brumas da estação de Francia e o nome de Marina se acendeu de novo como uma ferida aberta."
Oi pessoal, hoje vou falar sobre o meu primeiro livro lido em 2013, Marina, do Carlos Ruiz Zafón

Nunca tinha lido nada desse autor, na verdade nunca tinha me interessado. Minha mãe tem em casa A Sombra do Vento e O Jogo do Anjo, mas nunca quis pegar pra ler (não sei o porquê). 

Até que um dia, dando uma zapeada por blogs que gosto, vi um vídeo da Amanda, do blog Lendo e Comentando, respondendo a uma TAG sobre a Cápsula do Tempo (ainda quero fazer o meu vídeo também), em que ela indicou Marina como sendo "Um livro que mostre a beleza de ler". 

Fiquei interessada pelo fato de, no vídeo, ela ter dito que o livro tinha um toque sombrio com um terrorzinho, adoro histórias assim. E para a minha surpresa, estava novamente com o Submarino aberto na hora, fazendo minhas comprinhas, e encontrei Marina por apenas R$ 14,90. Então não pude resistir né!!

Bom, o livro Marina conta a história de Óscar Drai, um menino de 15 anos, solitário, que vive num internato em Barcelona. Ele tem apenas um amigo, JF, e nos dá a impressão de ser extremamente entediado e desinteressado pelos estudos, porque todos os dias, sempre que ele tem a chance, sai para passear nas ruas esquecidas de Barcelona, entre o final da aula e a hora do jantar.

Num desses passeios ele é atraído por uma mansão em ruínas. Acreditando estar abandonada, adentrou no pátio, porém, ao ouvir uma música lindíssima, não resistiu e invadiu a residência. Lá ele acabou sendo surpreendido pelo dono da casa. Assustado e envergonhado, saiu correndo, mas, sem perceber, levou consigo um relógio antigo de ouro pelo qual havia ficado fascinado.

Sentindo-se culpado por invadir a casa alheia e ainda por cima "furtar" um objeto de outrem, decide retornar ao local para devolvê-lo e conhece Marina, filha de Germán Blau, dono do relógio.

Rapidamente Óscar e Marina se tornam grandes amigos, e Óscar passa a frequentar a residência dos Blau praticamente todos os dias. Desde então, sua vida passou a ter sentido e ele novamente se sentiu "em casa", "em família".
"- Às vezes, as coisas mais reais só acontecem na imaginação, Óscar - disse ela. - A gente só se lembra do que nunca aconteceu."
Como ambos gostavam muito de um mistério, Marina leva Óscar para um passeio no cemitério e lá eles encontram a misteriosa dama de preto. Assim começa a grande aventura da vida de Óscar. Marina e Óscar acabam adentrando num território perigoso ao tentar desvendar os segredos por trás da tal mulher que viram no cemitério e se envolvem numa história que os levará a desvendar grandes crimes, traições, uma rede de intrigas e conspirações e colocará suas vidas em risco.
"Segui a ascenção das chamas com os olhos. No alto, vi a maquinária do urdimento, um sistema complexo de cordas, telas, roldanas, cenários suspensos e passarelas. Dois olhos acesos me observavam das alturas. Kolvenik. Segurava Marina com uma mão só como se fosse um brinquedo."
Suas vidas são marcadas pelos fantasmas do passado para sempre e eles não têm mais como fugir. A única chance que eles têm é de ir até o fim, juntos, aconteça o que acontecer.

Esse livro mexeu muito comigo. Acho que, assim como a Amanda, considero ele um livro completo. Ele tem um pouco de tudo que eu gosto, lindas lições de amizade, amor, um mistério maravilhoso, terror, etc.

É um livro tão fininho que li em algumas horas e me deliciei passear com Óscar e Marina nas ruas de Barcelona da década de 70, me emocionei com a sólida e delicada amizade construída entre os dois, me apaixonei pela relação amorosa existente entre Marina e seu pai e adorei a história paralela que o Zafón criou sobre o mistério que Óscar e Marina tinham que desvendar. A cada capítulo vamos conhecendo mais um quebra-cabeça dessa história que vai se encaixando perfeitamente e nos deixando cada vez mais fascinados.

Depois de ler Marina fiquei com muita vontade de ler os outros livros do Zafón. Já o considero como mais um dos meus autores queridinhos.

Recomendo muito esse livro, e acho que não podia ter feito escolha melhor para ser o meu primeiro do ano!! Obrigada pela dica Amanda :o)

Marina - Carlos Ruiz Zafón
Editora Suma de Letras
189 páginas
Comprar: Submarino / Saraiva

VÍDEO

8 comentários

  1. Comecei lendo o "A Sombra do Vento", que considero o melhor dos que li dele e que recomendo fortemente a leitura pra quem curte um bom mistério ao estilo noir e de tom mais antigo, oriundo a pistas e investigações de antigas histórias familiares e etc. O "Jogo do Anjo" também é bem bacana, embora seus personagens não superem a genialidade dos do "A Sombra", recomendo também. Tenho o "Marina" e ainda não li, mas agora me senti impulsionado a ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querido, obrigada pela visita.

      Pois é, depois que li Marina fiquei louca pra ler os outros livros dele. Pena que falta tempo para tantos né. Mas com certeza já estão na fila.
      Aproveite as férias da facul e leia Marina, pq é tão fininho que é mto rápido e gostoso de ler.

      Bjokas

      Excluir
  2. Olá, Mirelle! Tudo bem?
    Primeiramente, adorei o vídeo! Você é muito fofa! :)
    Também não li nada desse autor e - após conferir a sua resenha - fiquei com vontade de ler "Marina". Espero que o livro continue com esse preço no submarino, rs.
    Beijos!

    Biih
    http://hellostar.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi florzinha, obrigada pelo carinho :o) hehe

      Ai que bom, fico feliz que vc tenha ficado com vontade de ler o livro. Espero que goste. Infelizmente a promo que consegui foi só no dia mesmo, hoje o livro já tá mais caro. Mas toda hora tem promo nova, só ficar de olho ;o)

      Bjuss, Mi

      www.recantodami.com

      Excluir
  3. oi! eu li marina,tava mto ansiosa por esse livro, mas infelismente nao gostei! achei exagerado o fato de todo mundo se abrir com tanta facilidade com duas crianças. todo mundo falava todos os segredos pra eles. agora,tirando essa parte investigativa, achei lindo a amizade dos dois! bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, tudo bem? Curiosamente mtas pessoas não gostaram de Marina. Engraçado que nunca parei para pensar nessa observação que tu fizeste.. hehe fiquei tão envolvida na história que não me dei conta disso. Vai ver que ambos eram extremamente persuasivos.. kkk vai saber né. Mas sim, a amizade dos dois é linda demais. Pura e profunda. Amei demais :o) Bjs e volte sempre.

      Excluir
  4. É uma vergonha, mas eu nunca li nada do Zafón, todo mundo elogia tanto, eu tenho muita vontade de ler alguma obra dele.
    Esse me parece ser o livro perfeito pra começar. Quero muitooo ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não tinha lido nada até então. Adorei a escrita dele e não vejo a hora de ler outros livros do autor. Beijos

      Excluir