Resenha - Filme Bastardos Inglórios

"Durante a Segunda Guerra Mundial, um grupo de soldados americanos de sangue judeu, conhecido como “Os Bastardos”, são selecionados para espalhar medo entre aqueles que impuseram as duras regras do Terceiro Reich. A missão do grupo, liderado pelo visceral tenente Aldo Raine (Brad Pitt), é escalpelar e exterminar brutalmente os nazistas, sem medir consequências. Dirigido por Quentin Tarantino, BASTARDOS INGLÓRIOS remonta ao intempestivo período do nazismo alemão sob o ponto de vista de um grupo de soldados um pouco diferente dos demais. Eles são sanguinolentos, frios, pragmáticos, expressivos – enfim, personagens típicos de Tarantino."
Depois de tanto ouvir falar nos Bastardos Inglórios, resolvi me render e assistir ao filme. Sendo do Tarantino, não podia deixar de ter muito sangue, violência e cenas intensas. Mas o filme não se resume a isso.

O filme é divido em capítulos e conta simultaneamente as histórias dos Bastardos e de Shoshanna.

Shoshanna e sua família viviam refugiadas na França, numa fazenda, até que foram descobertos pelo "Caçador de Judeus", Hans Landa, e exterminados. Somente Shoshanna conseguiu fugir, por um ato de piedade (será?) de Landa.

Essas cenas iniciais são muito intensas. O diálogo traçado entre Landa e LaPadite (o dono da fazenda) é fantástico. Só o jeito do Landa falar já é aterrorizante. Ele demonstra uma calma e controle sobre a situação, além de ter uma língua ferina e, aos poucos, vai mostrando que de bobo não tem nada, pelo contrário, é extremamente perspicaz, e merece o apelido dado pelos seus inimigos.


Paralelamente, numa sequência cronológica, aparecem os Bastardos Inglórios, soldados americanos e judeus treinados por Apache para liquidar com os nazistas das formas mais abruptas possíveis, seja matando-os com um taco de beisebol ou lhes tirando os escalpos e marcando a testa dos sobreviventes com suásticas.

 
Quatro anos depois Shoshanna novamente aparece na trama, dessa vez como uma bem sucedida dona de um cinema na França, usando um novo nome. Depois de conhecer o impertinente Frederick Zoller, ela é presenteada com a possibilidade de se vingar dos alemães.
  

É aí que as histórias se convergem. O cinema de Shoshanna irá transmitir um filme estrelado pelo próprio Zoller que é considerado um herói de guerra pelos alemães. Tal estreia reunirá a nata dos nazistas com a participação do próprio Hitler. Uma grande oportunidade para a guerra acabar, para matarem todos de uma só vez.

Shoshanna planeja incendiar o cinema enquanto os Bastardos querem explodi-lo, com todos dentro. Mas até isso acontecer, muitas outras mortes e surpresas acontecem no decorrer do filme.

E no final, Adolf Hitler morre?? As missões são bem sucedidas?? Assistam e descubram!! Só posso dizer que é eletrizante!!

Como eu curto Tarantino, gostei do filme. Mas para quem não é muito fã de violência, sugiro que não assista. O ator Christoph Waltz, que interpreta Hans Landa simplesmente roubou todas as cenas em que apareceu. Não conhecia o ator (ou não me lembro dele) e simplesmente me apaixonei pela interpretação dele e pela vida que ele deu ao personagem, forte e impetuoso.

Apesar de eu ter visto diversos elogios ao Brad Pitt em resenhas que li, não me impressionei com a atuação dele que pra mim foi uma mera participação no filme.  

Tarantino não deixa barato nas cenas de ação, matança e na trilha sonora que, assim como Kill Bill, predizem as cenas de morte. 

Lembrando, o filme é uma ficção. Não é um documentário e não é fiel aos fatos históricos ok. Então não criem expectativas quanto a isso.

Recomendo!!

Título original: Inglourious Basterds
Roteiro: Quentin Tarantino
Direção: Quentin Tarantino
153 minutos
2009
  
 CAPAS


TRAILER 

4 comentários

  1. Olá, Mirelle! Tudo bem?

    Não tinha ouvido falar desse filme, mas fiquei com vontade de conferir a trama - que parece ser muito interessante! :)
    Parabéns pela resenha!

    Beijos!

    Biih
    http://hellostar.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Biih, obrigada pela visita e pelo elogio :o)
      Como disse, se vc não tiver problema com filmes violentos e de matança, assista sim que vc irá gostar.
      Depois me fale o que achou.. hehe
      Bjs,
      Mi

      Excluir
  2. Eu sempre vejo esse filme na programação Sky, mas nunca procurei saber um pouco mais pra assistir. Agora sei que não vou assitir mesmo, se tem violência e matança não é comigo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente se você não curte não assista, porque ele é mega violento. Beijos

      Excluir